Quando o DAE (guia única) do eSocial para o empregador doméstico estará disponível e quantas parcelas constarão nela?

John Drinane eSocial

A partir de 26/10/2015, a geração da DAE (Documento de Arrecadação do eSocial) já está disponpivel no portal para o empregador doméstico, no endereço www.esocial.gov.br .

O empregador doméstico
deve que recolher, por meio deste documento unificado, também chamado de Simples Doméstico:

  • FGTS – equivalente a 8% do salário do trabalhador;
  • FGTS – Reserva Indenizatória da perda de emprego – 3,2% do salário do trabalhador (depósito compulsório);
  • Seguro contra acidentes de trabalho – 0,8% do salário;
  • INSS devido pelo empregador – 8% do salário;
  • INSS devido pelo trabalhador – de 8% a 11%, dependendo do salário;
  • Imposto de Renda Pessoa Física – se o trabalhador receber acima de R$ 1.930,00

Obs: No caso dos dois últimos itens, os pagamentos deverão ser realizados pelo empregador, que os descontará do salário pago aos empregados domésticos.

 

Quer saber tudo sobre o eSocial Doméstico? Veja aqui nosso post especial:


Experimente o Lalabee agora: