Salário mínimo será arredondado para R$ 790, diz relator

Blog Lalabee

Compartilhar

Comments 15

  1. Gustavo

    Olá Equipe Lalabee,

    Minha doméstica começou a se ausentar do trabalho desde 20/07/2017. Mandei telegramas com AR em duas ocasiões para que ela retornasse e justificasse suas ausências em até 30 dias, e em 30/08/2017 mandei telegrama informando que ela está demitida. Inseri no e-social o pagamento do salário proporcional de julho para recolher as contribuições sem multa, entretanto como a domestica não retornou ao trabalho, este salario proporcional não foi pago à ela ainda. Estou com receio de que ela não compareça para dar baixa na carteira e assinar o Termo de Rescisão. Neste caso, como faço para dar baixa no e-social caso ela não compareça? É necessário informar algum órgão cometente que a doméstica não compareceu para dar as devidas quitações? Obrigado.

    1. Lalabee

      Boa tarde Gustavo, tudo bem?
      Você pode realizar o desligamento da funcionária no eSocial para que não fique com competências em aberto sendo que a funcionária não está trabalhando e nem voltou ao local de trabalho para resolver as pendências.
      Você pode entrar em contato com o Ministério do Trabalho através do telefone 158 para receber orientações quanto ao pagamento e também o número para comunicar o abandono do emprego.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1568677050c.eeb1568677050alal@1568677050otatn1568677050oc1568677050

  2. Faby

    Olá.
    Tomei conhecimento de uma pessoa que trabalhou 13 meses e a empregadora não quiz assinar a carteira.
    No 11° mês, está empregadora decidiu se mudar para o exterior, e queria que a funcionária fosse junto , porém sem visto.
    A funcionária se negou , pois tem filha e já que não poderia levá-la , se não tirasse o visto, também não poderia voltar de tempos em tempos para visitar a filha, se a patroa não viesse.
    Depois do decisão da funcionária, a empregadora avisou que havia encontrado outra funcionária para se mudar com ela.
    À partir deste posicionamento da empregadora, a empregada disse que iria se demitir, e assim o fez ao final do mês.
    Hoje fazem 33 dias, da data da demissão e a ex empregada ainda não recebeu todo o valor do salário do mês trabalhado nem o valor referente ao acerto.
    O que ela, a empregada, deve fazer nessa situação?
    E quanto ao aviso prévio, é devido a empregadora descontar?
    Desde já agradeço.

  3. vera lucia

    Oi trabalho a um ano e seis meses e minha patroa mandou em bora mas ainda não felou nada sobre meu aviso. Ela falou que ia dar baixa na minha carteira a gora em março ainda estou trabalhando eu precisava assinar meu aviso ou só quando termina o mês e quantis dias ela tem para me pagar tudo

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Giselle, tudo bem?
      Em caso de justa causa o empregado tem direito a receber o saldo de salário dos dias trabalhados, férias vencidas ou proporcionais e eventuais horas extras caso tenham ocorrido.
      Neste caso o empregador terá um prazo de 10 dias úteis para o pagamento desde que o funcionário não esteja em período de experiência. Em caso de período de experiência, as verbas rescisórias deverão ser pagas no dia seguinte após ao aviso.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  4. adriana

    Bom dia…meus patroes se separaram e foi dado baixa na csrteira…meu patrao fara um novo registro no nome dele..estava no dela…o que devo receber? Eu pego o FGTS? ele foi recolhido desde o dia da nova lei…pelo programa Esocial do governo..

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Adriana, tudo bem?
      Você deve receber os valores totais da verba rescisória referente ao término do contrato com ela.
      Você terá direito ao saque do FGTS desde que a rescisão seja feita à pedido do empregador e sem justa causa.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  5. Claudia de Castro

    Bom dia! Minha empregada só trabalhou 1 mês e 3 dias… quanto devo pagar a ela??
    Obrigada

    1. Post
      Author
  6. Eliane

    Bom dia. calculei a rescisão de contrato da empregada doméstica. além da rescisão devo pagar um salário a ela referente ao mês trabalhado?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Eliane, tudo bem?
      Cálculo rescisório é onde normalmente os empregadores comentem mais erros, não somente na parte de indenização do salário, mas também agora com a nova lei existe a indenização por tempo de trabalho que são 03 dias para cada ano trabalhado com o mesmo empregador, os proporcionais de férias e 13o. salário dentro outros.
      Para garantir o cálculo exato a Lalabee desenvolveu a ferramenta de Rescisão que inclui mais de 10 tipos de rescisão e que garante que você não vai deixar de pagar o que é devido no ato rescisório.
      Para acessar mais informações sobre nossa ferramenta acesse nossa página: http://www.lalabee.com.br/rescisao-domestica/
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Julia, tudo bem?
      Para estar fundamentada o que você precisa ter feito o seguinte:
      – Assinado a carteira da empregada e mantê-la atualizada com as mudanças de salário, férias, data de opção de FGTS;
      – Registrar período de experiência em carteira de trabalho;
      – Contrato de Trabalho ;
      – Se ela fizer horas extras e compensação de jornada ter os dois termos assinados;
      – Se ela receber vale transporte, declaração de vale transporte;
      – Folha de ponto mensal assinada;
      – Recibo de salário mensal assinado;
      – Recibo de férias;
      – Recibo de 13º salário;

      Seguem informações e preços dos nossos planos caso você tenha interesse:

      – Plano Silver (Autosserviço)
      Nesse plano terá acesso à quase funcionalidades do nosso sistema sem limite de funcionários, menos a rescisão e os controles de pontos por APP e telefone fixo.

      Trimestral: R$44,70 (R$14,90/mês, pagamento em até 3x no cartão de crédito)
      Semestral: R$83,40 (com 7% de desconto, R$13,90/mês, pagamento em até 6x no cartão de crédito)
      Anual: R$142,80 (com 20% de desconto, R$11,90/mês, pagamento em até 12x no cartão de crédito)
      – Plano Gold (Autosserviço)
      Nesse plano terá acesso à todas funcionalidades do nosso sistema sem limite de funcionários.

      Trimestral: R$59,70 (R$19,90/mês, pagamento em até 3x no cartão de crédito)
      Semestral: R$107,40 (com 10% de desconto, R$17,90/mês, pagamento em até 6x no cartão de crédito)
      Anual: R$190,80 (com 20% de desconto, R$15,90/mês, pagamento em até 12x no cartão de crédito)
      – Plano Premium (Fazemos tudo para você)
      Nesse plano você contará com atendimento personalizado, nossa equipe vai administrar sua conta. Nós iremos verificar os registros de ponto e qualquer anormalidade no registro entraremos em contato com você, geraremos todos os recibos de salário, vale transporte, adiantamentos, guia do eSocial e enviaremos por e-mail para sua maior comodidade.
      Esses são os valores para 1 funcionário, caso precise de mais de um funcionário consulte nossa tabela de preços ou me informe a quantidade que eu respondo com os valores.
      Trimestral: R$239,70 (R$79,90/mês, pagamento em até 3x no cartão de crédito)
      Semestral: R$431,40 (com 10% de desconto, R$71,90/mês, pagamento em até 6x no cartão de crédito)
      Anual: R$778,80 (com 19% de desconto, R$64,90/mês, pagamento em até 12x no cartão de crédito)

      Nossos recursos:
      Gestão de Funcionários (cálculos completos, VT, adiantamentos, Folha de Ponto Inteligente, FP em papel, recibos) Ponto Eletrônico via APP para Apple e Android (utilize um smartphone ou tablet para marcar o ponto) Ponto Eletrônico via Portal de Voz (utilize o telefone fixo de casa para marcar o ponto), Suporte por Telefone e E-mail (todo o apoio para configurar a Lalabee e tirar dúvidas) Serviços por E-mail (avisos de jornada, recibos e GPS, alerta de atrasos e HE) Documentos de contratação (contrato de trabalho, orientações CTPS, declaração de VT, acordo de compensação de jornada, contrato de experiência) Férias (cálculos legais com HE, recibo, Guia do eSocial DAE) 13º Salário (1ª e 2ª parcelas) Rescisão (cálculos legais com HE, termo de rescisão, cartas e avisos)

      Assine agora! Caso ainda tenha dúvidas, estamos a disposição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *