desligamento do doméstico no eSocial

Blog Lalabee

Compartilhar

Comments 586

  1. Bereger

    Um empregada foi demitida em 2016, foi pago todos os impostos esocial e a epoca ainda não podia realizar a demissão pelo esocial, tentei diversas vezes realizar sua demissão pelo esocial e não consegui, qual o procedimento nesse caso?

  2. Sara Olimpia

    ola! fiz acordo de demissao com minha empregada, ela era otimo mas precisou ir embora por problemas na familia. trabalhou 10 meses em casa.

    como gerar a guia rescisoria do fgts para que ela possa sacar o fgts? é no esocial ou no site da caixa?

    Obrigada!

  3. Anne

    Boa dia, fiz um lançamento referente as ferias antes do período aquisitivo, ou seja, o periodo aquisitivo iniciava em 01/11 e lancei o gozo em 01/10 (minha empregada estava precisando muito se ausentar e também do dinheiro). No seu retorno eu dei o aviso prévio trabalhado e logo em seguida a rescisão. Ela conseguiu sacar o FGTS mas não conseguiu da entrada no seguro desemprego pois constataram alguma inconsistencia nos registros. Pode ter sido a questão das férias.? É possível dar o gozo das férias antes do periodo aquisitivo, pois o sistema aceitou a data que lancei? Posso alterar os dados mesmo apos ela já ter ido a caixa economica, reabrindo todos os enventos?

  4. NAZARETH SILVA ANYZEWSKI

    Bom dia, como faço para registra a aposentadoria do empregado no e-social?

  5. NAZARETH SILVA ANYZEWSKI

    Bom dia.
    Como se faz o desligamento de empregado em razão de aposentadoria por tempo de serviço no e-Social?
    Ela já está até recebendo a aposentadoria e até agora não consegui descobrir como faz isto.

    1. Lalabee

      Oi Nazareth, tudo bem?
      O empregado doméstico não precisa ser desligado por motivo de aposentadoria, apenas se for do desejo do empregado.
      Desta forma o desligamento pode ser feito de duas maneiras:

      – Por iniciativa do empregador: escolhendo esta modalidade o empregado terá direito a receber as verbas rescisórias e também a indenização por tempo de trabalho que é de 3 dias para cada ano trabalhado com o mesmo empregador.

      – Por iniciativa do empregado: escolhendo esta modalidade o empregado perde o direito a indenização por tempo de trabalho e receberá as verbas rescisórias devidas de saldo de salário, proporcional de férias e décimo terceiro.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  6. Angela

    Para realizar um desligamento de um trabalhador domestico no esocial tive que reabrir umas folhas do ano 2017 (nov, 13º sal, dez) para poder efetuar umas correções, entretanto quando fui encerrar a folha o sistema envia a seguinte mensagem de erro:

    Falha ao confirmar o fechamento da folha para o Sistema DCTF Web (185 – Para a DCTF Zerada só poderá existir informações Créditos Tributários de FGTS no REGISTRO A050

    Pesquisei e encontrei algumas pessoas relatando esse erro desde o dia 09/05/2018. Gostaria de saber se você sabe o que significa esse erro.

    Preciso desligar o funcionário e meu prazo de pagamento das verbas rescisórias é dia 13/05/2018. Caso o erro persista é possível realizar o desligamento sem encerrar as folhas?

  7. Geraldo Olivieri

    A cuidador de minha Mãe solicitou demissão:
    1 – Iniciou em 21/03/17, portanto, tem ferias vencidas
    Devo fazer o pagamento das ferias e deposi entrar no sistema indicando demissão por iniciativa do empregado e ele fará todos os calculos indenizatório?
    O aviso previo não será trabalhado.

    1. Lalabee

      Oi Geraldo, tudo bem?
      Você pode conceder as férias antes de fazer a rescisão, o que seria necessário aguardar o retorno das férias para então realizar o desligamento.
      Você também pode não conceder as férias e fazer o pagamento destas na rescisão, onde será necessário informar o período aquisitivo e o valor que será pago.
      No eSocial, em desligamento, você deve informar a data do desligamento, o eSocial traz os cálculos automaticamente para saldo de salário, proporcional de férias e 13 salário, férias vencidas, horas extras, gratificações e descontos devem ser informados e inseridos manualmente no cálculo.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  8. Itana Novais

    Ola
    Preciso fazer a rescisao de uma colaboradora domestica que foi contratada em 2008, e em 2015m afastada pelo INSS (doença nao ligada ao trabalho – cancer) porem a mesma veio a falecer no ultimo dia 09/04/2018.

    Como devo proceder?

  9. Isabela

    Boa noite, preciso de ajuda. A empregada que assino a carteira está de licença maternidade até 25/04. A filha nasceu em 19/01, ou seja, os 5 meses que poderei demiti-la dá em 19/06. Perguntas:
    1) o 5º mês que preciso mante-la trabalhando pode ser o mês do Aviso Prévio? Assim, dou entrada no e-social em 19/05? A demissão é sem justa causa.
    2) ela ficará de férias até 17/05, mas, gostaria de saber se existe a possibilidade de eu demiti-la assim que voltar da licença em 25/04. O que precisarei pagar?
    Muito obrigada!

    1. Lalabee

      Oi Isabela, tudo bem?
      Seguem as respostas abaixo:

      1) o 5º mês que preciso mante-la trabalhando pode ser o mês do Aviso Prévio?

      Não, o mês que tem que mante-la trabalhando não pode ser o mês de aviso prévio, por tratar-se do mês de estabilidade.

      Assim, dou entrada no e-social em 19/05? A demissão é sem justa causa.

      Conforme informado anteriormente, só poderá realizar o desligamento à partir de 19/06.
      2) ela ficará de férias até 17/05, mas, gostaria de saber se existe a possibilidade de eu demiti-la assim que voltar da licença em 25/04. O que precisarei pagar?
      Para fazer a rescisão de imediato você deve considerar entre as verbas o mês de estabilidade que deve ser pago.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  10. Paula Feijoli

    Eu havia feito o desligamento de maneira correta no esocial. Gerei a recisão e a guia de pagamento. Chegando na CEF o funcionário disse para a empregada que o NIS estava errado. Depois descobrimentos (através do 135) que ela tinha 2 NIS (que foram unificados). Como ele exigiu que ela alterasse no sistema do esocial eu assim o fiz, mas depois deu divergência no sistema. Voltei com o NIS original e agora não consigo fechar o desligamento (pois tive de reabrir para alteração do NIS). Mensagem: “Não foi possível registrar o evento atual pois existe(m) evento(s) cadastrado(s) com data de ocorrência posterior para esse trabalhador. Para que seja possível esse registro, executar os seguintes passos:

    a) Excluir todos os eventos ocorridos com data posterior ao evento que se pretende informar;
    b) Fazer o registro do evento conforme pretendido;
    c) Informar novamente em ordem cronológica os eventos excluídos, se continuarem válidos.

    ESTOU DESESPERADA. Não sei mais o que fazer. Não consigo finalizar o desligamento de jeito algum.

    1. Lalabee

      Oi Paula, tudo bem?
      A mensagem que o eSocial está informando de erro é referente a movimentações que foram lançadas com data posterior ao evento que você quer finalizar.
      Sendo assim deverá verificar as movimentações trabalhistas para apagar o evento com data posterior ao desligamento, finalizar o desligamento e lançar a Caso precise de ajuda profissional podemos te ajudar com este procedimento.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  11. sara olimpia

    ola, tive uma empresaga domestica por 60 dias, encerrei o contrto dentro do prazo de experiencia sem justa causa e sem pagamento de indenização. paguei todas as taxas geradas pelo e-social. mas ela nao esta conseguindo sacar o fgts, nao ha erro nos dados, e nem a caixa sabe me dizer porque.
    ha algum orgao do gov. que eu possa procurar?

  12. Christiane

    Boa tarde,
    Estou rescindindo o contrato no esocial de uma cuidadora que ainda está no prazo de experiência de 90 dias e tenho 2 dúvidas:
    1. Tenho que pagar aviso prévio, sendo que ela trabalhou 86 dias
    2. No campo “motivo” eu ponho: “Rescisão sem justa causa por iniciativa do empregador” ou “Rescisão antecipada do contrato a tempo por iniciativa do empregador” ?
    No Aguardo
    Grata

    1. Lalabee

      Oi Christiane, tudo bem?
      Seguem as respostas:
      1. Tenho que pagar aviso prévio, sendo que ela trabalhou 86 dias
      Não, pois ela está em período de experiência

      2. No campo “motivo” eu ponho: “Rescisão sem justa causa por iniciativa do empregador” ou “Rescisão antecipada do contrato a tempo por iniciativa do empregador” ?
      Deve ser rescisão antecipada do contrato a termo

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  13. Crisleni de França

    Preciso de uma informação você pode me ajudar?
    Demitimos uma empregada doméstica e quando ela foi receber o FGTS ela não conseguiu pois o nome dela teve alteração de solteira para casada como eu faço essa alteração?

    Desde já agradeço

    1. Lalabee

      Oi Crislene, tudo bem?
      Essa alteração do nome pode ser feito através do RDT para realizar o saque do FGTS.
      Você deve ir a qualquer agência da CEF para solicitar o RDT, é necessário levar o termo de rescisão e quitação para o preenchimento. Além do termo de rescisão, também é necessário levar cópias da carteira de trabalho da empregada, salvo se ela for com você na agência.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  14. RODRIGO DALCANTARA COELHO

    Bom dia! Tudo bem?

    Estou tentando fazer o desligamento de uma empregada e na conclusão da o seguinte erro:

    Valor Líquido inválido. O valor esperado do trabalhador CPF: 01987408918 é: (1613,08). Ação Sugerida: Em caso de pagamento total, o valor líquido deve corresponder ao somatório dos valores de vencimentos e descontos da remuneração e também dos vencimentos e descontos de IRRF e Pensão alimentícia. Em caso de pagamento parcial, o valor líquido deve corresponder ao somatório dos valores de vencimentos e descontos informados no grupo infoPgtoParc

    interessante que este valor que aparece é o valor liquido das férias dela que foram gozadas entre 18/12/2017 a 16/01/2018, e já foram pagas em 15/12/2017. o que faço?

  15. jose marengo

    Prezados, eu estou sendo transferido para outra cidade por motivos de trabalho, foi uma decisão da direção do meu centro pois esta fechando a filial na cidade onde trabalhava e vao manter o escritório principal na nova cidade. A minha empregada domestica nao deseja vir conosco e assim teve que desligar ela. Este desligamento para pagamento de aviso prévio, se classifica como motivo de forca maior?, ou seria seria desligamento sem justa causa?. Alguém pode me ajudar com isto?

    Obrigado

    Jose

  16. Leonardo

    Boa tarde, estou com um problema fiz um rescisão de uma funcionaria e estou precisando alterar o pis estou tentando alterar na rescisão mas não esta deixando, seguinte erro: O NIS informado é inválido. Ação Sugerida: Verifique os dados informados pois apresentam divergência entre o NIS informado no evento objeto de exclusão, e o NIS informado neste evento.

  17. Gabriel Fernandes

    Bom dia,

    Ao tentar realizar um rescisão retroativa no e-social apareceu um erro no qual diz que ” Valor Líquido inválido. O valor esperado do trabalhador CPF: xxxxxxxxxxx é: (1149,39). Ação Sugerida: Em caso de pagamento total, o valor líquido deve corresponder ao somatório dos valores de vencimentos e descontos da remuneração e também dos vencimentos e descontos de IRRF e Pensão alimentícia. Em caso de pagamento parcial, o valor líquido deve corresponder ao somatório dos valores de vencimentos e descontos informados no grupo infoPgtoParc.” onde no quase, o valor líquido correto seria de R$2.068,51. Já tentei de todas as maneiras possíveis porém não consigo corrigir, e com esse valor “esperado” pelo sistema, torna extremamente prejudicial a trabalhadora.

    1. Lalabee

      Oi Gabriel, tudo bem?
      O eSocial passou por atualização na plataforma no final de semana do dia 06/01/2018, permanecendo fora do ar até 09/01/2018.
      Não sabemos ainda a amplitude destas alterações que foram feitas nesta última atualização, portanto é de extrema necessidade fazer a revisão geral do cadastro da sua funcionária.
      Após a revisão, se todos os dados e valor de salário estiver correto, sugerimos fazer a exclusão da rescisão e fazer tudo de novo desde o início.
      Se o problema persistir, aguarde mais uns dias até a normalização do serviço, que até o presente momento ainda se apresenta instável.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

      1. Gabriel Fernandes

        Boa tarde!

        Foram novamente excluídas e refeitas todas as folhas mensais da colaboradora e felizmente dessa vez tudo correu certo na rescisão. Obrigado pela atenção e a ajuda.

        P. S.: Acabei identificando que o erro estava ocorrendo devido que os valores não batiam com os erroneamente calculados pelo e-social no momento então ele esperava que a origem dessa diferença ocorresse a partir da falta de lançamento de PLR para a funcionária no evento S – 1210, entretanto o mesmo não e condizente para o e-social doméstico mas sim para as pessoas jurídicas, provavelmente essa incoerência surgiu dessa manutenção mais recente do sistema.

        Cordialmente,

        Gabriel Fernandes.

  18. Marcia

    Boa tarde,

    Vou fazer o desligamento da minha funcionária. A mesm já foi informada e decidimos que o aviso será trabalhado. A data que ela foi informada do desligamento foi dia 08/01/18. O aviso trabalhado é até 08/02? Sairá 7dias antes. Quando devo preencher as informações no Esocial, agora ou em fevereiro? Devo colocar data de desligamento dia 08/02 ou 08/01? Obrigada.

    1. Lalabee

      Oi Márcia, tudo bem?
      No aviso prévio trabalhado a empregada tem a opção de trabalhar 2hs a menos por dia ou 7 dias a menos, sem sofrer contudo prejuízo no valor da remuneração do aviso.
      O preenchimento do desligamento no eSocial pode ser lançado com 10 dias de antecedência, portanto deverá ser realizado apenas em Feveriro/2018.
      Você deve contar 30 dias corridos após a data de aviso para preenchimento no eSocial.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  19. AMANDA MAXIMO ALEXANDRINO NOGUEIRA

    Boa noite!

    A cuidadora dos meus avós foi cadastrada no esocial do meu avô, que faleceu e teve seu cpf invalidado. Consegui acessar seu cadastro até o começo desse mês e efetuei o pagamento da folha referente ao mês de setembro (paga dia 07/10). Porém, a cuidadora pediu para rescindir o contrato e foi desligada do serviço dia 16/10. Quando tentei fazer seu desligamento no esocial, não consegui devido a invalidação do cpf.
    Pesquisando na internet, vi que deveria criar um novo cadastro, em nome de outro empregador, como explicado nessa página. Porém, não consigo concluir o desligamento, pois aparece esse erro:
    “É necessário o envio da remuneração do trabalhador no mês imediatamente anterior a data da sua rescisão contratual antes do envio de seu desligamento.”
    De fato as folhas de pagamento de setembro e outubro aparecem como pendentes, nesse novo cadastro. Porém, a do mês de setembro já foi paga pelo cpf do meu avô.
    Como devo proceder?

    1. Lalabee

      Oi Amanda, tudo bem?
      Você deve atentar-se à data de admissão que você cadastrou no eSocial novo que teve que fazer para que o cálculo do desligamento não seja feito de maneira errada.
      Segue abaixo as informações encontradas no manual do eSocial referente a substituição do empregador:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/perguntas-frequentes/perguntas-frequentes-1#procedimentos-em-caso-de-morte-da-pessoa-que-representa-a-fam-lia-empregadora–falecimento-do-empregador-

      Substituição de titularidade:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#2-2-substitui–o-de-titularidade-do-empregador

      Quanto a mensagem de erro, está se referindo ao fechamento da folha do mês de Setembro/2017, você deve apenas encerrar a folha, não precisa fazer o pagamento.

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  20. Geisilane

    Sou de um escritório de contabilidade, e tenho uma cliente que está com guias da doméstica em aberto. Gostaria de saber se posso realizar o desligamento dela e a cliente ir pagamento as guias em aberto gradativamente ?

  21. Marcia Bastos

    Boa Tarde,

    Não consigo concluir uma rescisão como término de contrato que foi de 60 dias no e-social, ele informa que tem que mudar
    o contrato para determinado e mesmo assim ele não aceita, poderia me ajudar?

    1. Lalabee

      Oi Marcia, tudo bem?
      Para mudar o contrato de indeterminado para determinado no eSocial, você fazer a alteração em “movimentações trabalhistas”.
      Segue abaixo o link do eSocial com a informação de como fazer a alteração:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#3-9-visualizar-gerenciar-movimenta–es-trabalhistas

      Após realizar a troca do tipo de contrato deve seguir com o deligameto.
      Se precisar de ajuda profissional envie um e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

    2. Juliano

      Tenho uma empregada doméstica cadastrada no e-social da minha esposa admitir o marido dela como motorista e na hora de finalizar o cadastro dele aparece dados conflitantes,,me cadastrei no e-social e agora não consigo excluir o marido da doméstica do e-social minha mulher para cadastrar o motorista no meu esocial.

      1. Lalabee

        Oi Juliano, tudo bem?
        Se você não fez o encerramento de nenhuma guia no eSocial da sua esposa, você deve apenas fazer a exclusão do cadastro dela por meio de “Movimentações Trabalhistas”.
        Segue abaixo o link com o passo-a-passo do manual do eSocial de como realizar este procedimento:

        https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#3-10-exclus-o-de-trabalhador

        Atenciosamente,

        Marinês
        rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  22. Cléa

    Bem, fiz o desligamento paguei as verbas rescisorias e não vi a data de afastamento, que está errada deveria ser 30/9/17, e está 31/8/17, como faço para nao gerar novas guias??? e regularizar da melhor forma para mim e meu empregado? grata

    1. Márcia Silva

      Bem, fiz o desligamento paguei as verbas rescisorias e não vi a data de afastamento, que está errada deveria ser 30/9/17, e está 31/8/17, como faço para nao gerar novas guias??? e regularizar da melhor forma para mim e meu empregado? grata

      Reply

      1. Lalabee

        Oi Márcia, tudo bem?
        Para fazer a correção da data de demissão você excluir o desligamento para lança-lo novamente com a data correta.
        Não existe forma de fazer a correção sem custo, pois a data de afastamento está com diferença de 30 dias que incluiu pagamento de mais 1/12 de férias e 13º salário, além da diferença do recolhimento de imposto sob o valor da rescisão.

        Atenciosamente,

        Marinês
        rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  23. Marcia

    Olá! Estou tentando fazer o desligamento da minha empregada, mas aparece a seguinte mensagem:
    “Sr. Empregador, para que o desligamento seja concluído, não deve haver informação de remuneração mensal para o empregado no respectivo mês. Reabra a folha do mês do desligamento, caso esteja fechada (clicar no botão “Reabrir Folha”), e exclua a remuneração desse trabalhador (clicar na opção “Excluir Remuneração Informada” na coluna “Ação”). A seguir, realize o desligamento.”
    Já fiz o que foi solicitado, mas o sistema fica repetindo sem parar a informação. Como proceder?

    1. Lalabee

      Boa tarde Márcia, tudo bem?
      O sistema só repete a informação devido ao fato da competência do desligamento estar encerrada.
      Quando você seguir o passo a passo dado na mensagem, lembre-se de fazer apenas o solicitado, se você encerrar a guia após o procedimento você receberá a mesma mensagem novamente.
      Segue abaixo o link do eSocial com o passo a passo da reabertura da guia:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#4-2-2-reabrir-folha-de-pagamento

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  24. Renata

    Procedi ao desligamento de minha empregada doméstica no eSocial em 01/08/17 e paguei a guia das verbas rescisórias.
    Na área “Gestão de Trabalhadores” do eSocial consta “Situação: desligado”, havendo a data de admissão e desligamento.
    Contratei, no mesmo mês, nova empregada doméstica.
    E, agora, no final do mês, ao fechar a folha de pagamento da nova empregada, o sistema gerou o recibo de pagamento de ambas as empregadas, bem como na guia gerada para recolhimento do eSocial estão valores dobrados, como se eu mantivesse contratada as duas empregadas!
    Como devo proceder?

  25. Flávia

    Bom dia!
    O último dia do aviso da minha secretária foi 01/06/2017. Porém com consentimento dela apenas consegui pagar a guia rescisória dia 24/08. Olhei no extrato do fgts já caiu com código 115- depósito em atraso Junho/2017. Não deveria ter caído: Pagamento da guia rescisória? Pelo extrato deu a entender que não foi dada baixa no fgts. No esocial tudo foi finalizado e pago. O contador e a atendente disseram que já deveria ter caído a multa. Mas não caiu. Será que tem algum problema visto que a data final para ela dar entrada ao seguro é até amanhã… E será que realmente o FGTS recebeu a transmissão da baixa dela através do pagamento da guia rescisória? Como tenho certeza que está tudo certo para a multa cair? Obrigada desde já.

  26. Leandro Amorim

    Olá, boa tarde!

    Tenho uma empregada que estava de licença maternidade e deveria retornar para o trabalho ontem, 14/08/2017. No dia 27/07 ela me informou que não conseguiria retornar e assim pedindo seu desligamento. Como devo proceder quanto ao aviso prévio, tanto a data quanto descontar ou não? Obrigado.

    1. Lalabee

      Boa tarde Leandro, tudo bem?
      Ela tem um período de estabilidade de 30 dias após o retorno da licença maternidade para que possa fazer a rescisão dela.
      Como ela está pedindo demissão, será necessário que ela faça uma carta de próprio punho onde ela abre mão da estabilidade. Esse documento deve ser assinado e registrado em cartório.
      Com posse deste documento e da carta de pedido de demissão você deve fazer a rescisão do contrato da funcionária com data do retorno da licença maternidade, ou seja, 14/08/2017.
      Quanto ao aviso prévio você tem a opção de dispensa-la do aviso ou cobrar o aviso que não será trabalhado.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  27. Pablo

    Boa Tarde!
    Estou efetuando o desligando da minha empregada domestica contratada em 1/8/2014, como faço para pagar a guia de verbas rescisórias do FGTS para que ela tenha acesso ao FGTS do período de 1/9/2014 à 1/9/2015?! Esse período não é calculado pelo isocial, certo?!

    E em relação ao seguro desemprego, quais documentos ela precisa apresentar!?

    1. Lalabee

      Boa tarde Pablo, tudo bem?
      A guia do FGTS rescisório só será necessário se você optou por fazer o recolhimento do FGTS neste período.
      No site da caixa só existe a possibilidade de gerar a guia do FGTS rescisório à partir de 01/10/2015.
      Esse período não é calculado pelo eSocial e você terá que gerar o Termo de rescisão e quitação utilizando o formulário fornecido pela CEF.
      Estou anexando o formulário para que você possa fazer o termo de rescisão e quitação para a sua funcionária, mas será necessário procurar uma agência da CEF para verificar como poderá gerar e pagar a guia do FGTS rescisório no seu caso.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

    2. angela mesas

      bom dia!!!
      Estou fazendo um desligamento e quando vou concluir o desligamento aparece a mensagem abaixo…porem o funcionario nao tem historio de afastamento, o que faço, pq o esocial nao deixa eu concluir o calculo…
      “Não é permitido o desligamento do trabalhador. Ações Sugeridas: – Verificar se o trabalhador encontra-se ativo – Verificar se o motivo do desligamento do trabalhador é compatível com o desligamento sem retorno do afastamento”
      Agradeço e aguardo urgente…

        1. ana celia

          Lalabee
          bom dia
          tem como fazer cancelamento de ferias porque a funcionaria estar como afastada sendo que ela nunca se afastou verifiquei ela tem uma ferias que nao foi concluida na epoca tem como fazer esse concelamento dessas ferias no esocial domestica se tever mim avisa como fazer
          ANA

        2. Vicente de Paula

          Sobre esta questão o sistema indica que tem período de férias não concluído. Só que o mesmo se refere a um período concessivo de 2010/2011. O sistema não deixa concluir e nem tampouco excluir e coloca o seguinte aviso: “Não é possível registrar ou alterar programação de férias, cujo período aquisitivo é superior à 5 anos contados a partir do respectivo período de concessão. Em caso de alteração, será necessário, primeiramente, excluir a programação de férias e cadastrá-la novamente com o período aquisitivo correto” .
          Desta forma, não consigo efetuar o desligamento.
          Como resolver este problema?

  28. Carolina Diomelli

    Olá.
    Após o desligamento do empregado, verifiquei que o cadastro do número da carteira de trabalho estava errado, portanto tudo o que foi pago, está com o número errado.
    Como faço a retificação do número da CTP do meu empregado?
    Obrigada.

  29. Marlene Avelino

    Boa tarde.. Gerei uma rescisão no e-social. e agora a empregada foi na CEF para receber o FGTS e querem chave de acesso.. como tenho que fazer.. o empregador é PF e não tem certificado digital.. aguardo orientação

    1. Lalabee

      Boa tarde Marlene, tudo bem?
      O empregador doméstico não gera a chave de liberação pois esta função não está disponível no eSocial, mesmo que tivesse o certificado digital.
      A chave de liberação é gerada de forma manual pelo funcionário da CEF no momento do saque do FGTS.
      Peça a sua ex-funcionária que vá a outra agência para realizar o saque do FGTS.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  30. Luciana

    Por favor como devo comunicar no eSocial o desligamento por aposentadoria por tempo de contribuição? Obrigada.

    1. Lalabee

      Bom dia Luciana, tudo bem?
      Se for do desejo do funcionário, mesmo com a aposentadoria ela pode continuar registrada e trabalhando com você. A única aposentadoria que impossibilita o empregado de continuar trabalhando é a aposentadoria por invalidez.
      Mas se ela deseja não mais trabalhar, a rescisão do contrato será por iniciativa do empregado ou do empregador, visto que não existe a dispensa por motivo de aposentadoria.
      Se você fizer a rescisão por iniciativa do empregador, ela terá direito a sacar o FGTS, caso faça por iniciativo do empregado ela perderá direito ao saque.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  31. José Maercio Pereira

    Prezados Srs.:
    Demiti uma empregada doméstica em fevereiro /2016 e na época o módulo de rescisão não estava ainda sendo operado.
    Procedi à rescisão em um formulário comum para não ficar sem documentos.
    Ocorre que ela pretende receber o FGTS porque se encontra desempregada e não consigo operar essa rescisão, sem a qual a Caixa não libera o pagamento do saldo da conta.
    Poderiam ajudar-me?
    Grato,

    Maercio

    1. Lalabee

      Boa tarde Maercio, tudo bem?
      Segue abaixo as orientações do manual do eSocial para prosseguir com o desligamento:
      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#8-1-dados-do-desligamento
      Siga o passo-a-passo fornecido informando os dados necessários. Valores de férias vencidas, horas extras e descontos não lançados automaticamente pelo eSocial, portanto deve ter estas informações adicionais para preenchimento do desligamento no eSocial.
      Caso precise de ajuda profissional envie email para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776 que poderemos ajudá-lo.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  32. Liliane

    Olá. Efetuei uma demissão no e-social, a empregada sacou o FGTS mas no momento de dar entrada no Seguro Desemprego constatou-se que falta 1 numero da serie da CTPS, tentei alterar no site do e-social mas como já fechou não consigo, tenho receio de excluir a rescisão e alterar a informação errada e após isso refazer a demissão, gerar guias com multa pois é de maio, como devo proceder? Obrigada.

  33. André Oliveira

    A empregada foi a caixa sacar o fgts e não conseguiu porque falta a data de afastamento lá, que no caso seria a data de desligamento. Já verifiquei todo o cadastro e o desligamento juntamente com a cartilha do e-social e está correto. No entanto, o erro na CEF persiste.
    Como devo proceder?
    P.S: a empregada não foi afastada e não entrou de férias.

    1. André Oliveira

      Verifiquei e vi que a data de pagamento no desligamento, que é o 5º dia útil gerado na folha, é anterior a data do desligamento. Será isto o problema? Não consigo alterar a data de pagamento do desligamento. Posso excluir o desligamento e fazer outro?

    2. Lalabee

      Boa tarde André, tudo bem?
      Data de afastamento e data de desligamento são duas informações diferentes. Data de afastamento pode ser devido a doença, acidente de trabalho, licença maternidade e etc.
      Data de desligamento é a data do último dia trabalhado e quando o desligamento é realizado no eSocial esta data deve aparecer no sistema e também no termo de rescisão.
      Se você já revisou o desligamento no eSocial e a data de desligamento está constando lá, para correção da informação no sistema da CEF será necessário que você preencha uma RDT.
      Vá até uma agência mais próxima para solicitar o preenchimento da RDT e também verificar quais os documentos da funcionária serão necessários cópias para entregar junto com a RDT.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  34. Ligia R.

    Bom dia,
    Tenho que fazer o desligamento de um empregada que foi contratada no dia 01/09/2016, afastada por doença pelo INSS no dia 30/11/2016 até 11/07/2017. Tenho que pagar férias proporcionais? Preciso fazer o aumento de salário para o novo piso de salário dos empregados domésticos para São Paulo na rescisão?

    1. Lalabee

      Boa tarde Ligia, tudo bem?
      As informações de proporcionais de férias e 13º salário o eSocial trará para você no momento que preencher as informações do desligamento. É importante lembrar que o afastamento deve estar lançado com início e fim do mesmo para que os cálculos do desligamento sejam feitos de maneira adequada pelo eSocial.
      Quanto ao proporcional de férias, acredito que ela não terá direito pois ficou afastada 8 meses dentro de um mesmo período aquisitivo.
      Você deve fazer a atualização do salário dela para o valor do salário mínimo regional de São Paulo para fazer o desligamento.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  35. André Paiva

    Boa tarde, tudo bem?

    Estou com dificuldade para preencher o e-Social referente ao desligamento que vai ocorrer esta semana. A data do desligamento será 08/07/2017 e a data do aviso prévio trabalhado 08/06/2017. A questão é como preencher a folha de pagamento referente ao mês de Junho. Devo colocar algo sobre o aviso prévio trabalhado (23 dias), assim como o salário do mês referente aos 7 dias trabalhados?

    Obrigado,

      1. André Paiva

        Boa tarde Marinês e obrigado pelo esclarecimento.

        Uma outra situação que apareceu é quanto ao aviso prévio. O funcionário tem 18 meses de trabalho e cumpriu o aviso de 30 dias trabalhando, porém no e-social não consigo pagar pelos 3 dias de aviso? Isto é possível somente quando é indenizado? Se trabalhou não recebe os 3 dias?

        Att.

  36. Luciana

    Ola! Realizei o desligamento de uma funcionaria em abril e paguei todas as verbas rescisórias. Esse mes ela me procurou informando estar gravida ha 4 meses. Preciso fazer a reintegracao dela no e-social, mas nao sei como.
    Obrigada

  37. Andrezza Fabiana Rodrigues de Oliveira Biserra

    Preciso fazer a rescisão de uma doméstica por motivo de falecimento do empregador, porem já foi informada a morte do mesmo e o sistema do Esocial não me deixa acessar a pagina desse empregador, como posso fazer a rescisão?

  38. Camila

    faz 1 ano que tento encerrar a empregada do meu chefe no sistema.
    Toda vez dá o mesmo erro ;
    “Empregador, para que o desligamento seja concluído, não deve haver informação de remuneração mensal para o empregado no respectivo mês. Reabra a folha do mês do desligamento, caso esteja fechada (clicar no botão “Reabrir Folha”), e exclua a remuneração desse trabalhador (clicar na opção “Excluir Remuneração Informada” na coluna “Ação”). A seguir, realize o desligamento.”
    Ja reabri a folha de 2 meses, exclui a empregada e não consigo fazer o desligamento, fora que gerou outra guia para pagamento que eu tive que tirar do meu bolso, porque meu chefe se recusou a pagar. Não sei mais o que fazer!

    1. Lalabee

      Oi Camila,
      A guia do mês de Abril deve estar encerrada e a guia do mês de Maio deve aberta.
      Segue abaixo procedimento do manual do eSocial de como reabrir a guia:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#4-2-2-reabrir-folha-de-pagamento

      Após reabrir a guia e seguir o procedimento do link, você deve continuar com o desligamento.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  39. willame

    E se a guia rescisória já foi paga, como faço o procedimento do cancelamento da rescisão e os devidos acertos contábeis para gerar nova guia deduzindo o que já foi pago?

  40. VITOR PAULO

    Boa Tarde colegas

    Estou tentando realizar DESLIGAMENTO de uma empregada DOMÉSTICA com Aviso Prévio Indenizado . Data do Aviso 15/05/2017
    Entrei no E-social e vou seguindo os passos :-
    1- Anoto o motivo do desligamento(Demissão sem justa causa por iniciativa do EMPREGADOR)
    2-Data do Desligamento :- Anoto dia 14/06/2017
    3- Pagamento do Aviso Prévio Indenizado ( seleciono NÃO)
    Ao clicar “NÃO” APARECE A SEGUINTE MENSAGEM:-
    Sequence Contains no Elements

    No campo *Verbas Rescisórias , fica assim:- Carregando Lista de Rubricas….
    Se clico em “PROXIMO” da outro ERRO:- Erro
    Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

    (código do erro: 20161205044057IKBT2QHVKY)

    Algum Colega já teve este problema?

    Desde já agradeço

    1. Lalabee

      Boa tarde Vitor, tudo bem?
      Não temos conhecimento desta mensagem de erro, principalmente realizando rescisões para o ano de 2016.
      Estou enviando o link do eSocial de com o procedimento de como realizar o desligamento, espero que ajude no processo:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#8—demiss-o

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  41. Rozimar

    Boa tarde
    ao finalizar com o DAE como a funcionária saca esse valor de fgts ?
    Temos que gerar a chave ? Qual procedimento?

    E em relação ao seguro desemprego ? Precisamos emitir algum documento ?

    1. Lalabee

      Boa tarde Rozimar, tudo bem?
      Segue abaixo as suas respostas:
      ao finalizar com o DAE como a funcionária saca esse valor de fgts ?

      Após 10 dias úteis do pagamento do DAE FGTS rescisório a funcionária deve encaminhar-se a qualquer agência da CEF com o termo de rescisão e quitação, carteira de trabalho e documento com foto para realizar o saque;
      Temos que gerar a chave ? Qual procedimento?
      o empregador doméstico não gera a chave para o saque do FGTS. Esta chave será gerada de forma manual pelo funcionário da CEF no momento do saque.
      E em relação ao seguro desemprego ? Precisamos emitir algum documento ?
      O termo de rescisão e quitação deve ser impresso em 04 vias, onde 03 vias são para a funcionária (01 via para CEF, 01 via para dar entrada no seguro desemprego e 01 via é a cópia da empregada)

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  42. Estevão Kellner

    Boa tarde, tenho uma empregada doméstica que fiz o desligamento a pedido dela em outubro/16 e não houve problemas. Mas agora estamos recontratando a mesma e não consigo alterar o contrato, nem excluir o antigo, nem incluir um novo. Como proceder nestes casos?

    1. Lalabee

      Boa tarde Estevão, tudo bem?
      Você deve verificar como está o status do empregado em questão.
      Para que seja possível a recontratação da mesma, será necessário que o contrato de 2016 esteja com o status de “desligado”, para que você consiga realizar o novo cadastramento.
      Estou enviando abaixo o link do eSocial com orientações de como deve ser feito o desligamento:

      https://portal.esocial.gov.br/empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico/manual-do-empregador-domestico_1#8—demiss-o

      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  43. Amanda

    Boa Tarde
    Alterei um dado no Termo de recisao do meu empregado domestico que estava incorreto , pois a caixa economica nao aceitou o documento
    fiz todos os procedimentos para excluir os eventos posteriores , todas as folhas forão reabertas
    porem não consigo fazer o desligamento novamente.
    O erro continua aparecendo

    *Não foi possível registrar o evento atual pois existe(m) evento(s) cadastrado(s) com data de ocorrência posterior para esse trabalhador. Para que seja possível esse registro, executar os seguintes passos: a) Excluir todos os eventos ocorridos com data posterior ao evento que se pretende informar; b) Fazer o registro do evento conforme pretendido; c) Informar novamente em ordem cronológica os eventos excluídos, se continuarem válidos. Consultar o Manual para obter orientações sobre consulta e exclusão de eventos.*

  44. Flavia

    Olá,

    Estou tentando demitir a minha empregada (Motivo 07 – Recisão de contrato de trabalho por iniciativa do empregado) e aparece a seguinte mensagem: “É necessário o envio da remuneração do trabalhador no mês imediatamente anterior a data da sua rescisão contratual antes do envio de seu desligamento.”.

    O salário referente ao mês de maio/17, ultimo mês trabalhado já foi pago.

    Obrigada!

      1. Marines

        Oi Marinês,

        Tudo bem?

        Encerrei a folha referente ao mês de Maio/17, porém quando fui concluir o desligamento aparece a seguinte mensagem: “Sr. Empregador, para que o desligamento seja concluído, não deve haver informação de remuneração mensal para o empregado no respectivo mês. Reabra a folha do mês do desligamento, caso esteja fechada (clicar no botão “Reabrir Folha”), e exclua a remuneração desse trabalhador (clicar na opção “Excluir Remuneração Informada” na coluna “Ação”). A seguir, realize o desligamento”

        O que eu devo fazer? Todas as folhas anteriores já foram encerradas. Não consta nenhuma pendência.

        Aguardo retorno.

        Muito obrigada,

        Flavia

          1. Marines

            Oi Marinês,

            O ultimo dia de trabalho dela foi no dia 31 de Maio de 2017.

            Aguardo seu retorno.

            Obrigada,

            Flavia

          2. Marines

            Oi Marinês,

            Agora, seguindo seu passo a asso, consegui fazer o deligamento.

            Muito obrigada pela sua ajuda e por toda a atenção.

            Flavia

          3. Danyérika

            Estou tentando realizar o desligamento com o Motivo na Opção 07 e não aparece a opção de Aviso prévio indenizado sim ou não. Aí quando vou em concluir, aparece essa mesma mensagem de erro: “É necessário o envio da remuneração do trabalhador no mês imediatamente anterior a data da sua rescisão contratual antes do envio de seu desligamento.” O encerramento é 15-09 e o início do aviso prévio é 18-09, será se tenho que concluir o pagamento e gerar as guias do mês de agosto? Preciso alterar o valor do salário de agosto para concluir o pagamento, tendo em vista que ela só trabalhou 18 dias até iniciar a contagem do aviso prévio? Como devo proceder?

          4. Lalabee

            Bom dia Danyérika, tudo bem?
            No motivo 7, o desligamento é por iniciativa do empregado, e não tem direito a aviso prévio indenizado.
            Esta mensagem de erro é referente ao fechamento da folha da competência anterior ao desligameto, ou seja, se o desligamento ocorrerá na competência de Setembro a competência de Agosto deve estar encerrada.
            O mês de agosto deve ser pago normalmente como salário para a funcionária.
            O desligamento dela só poderá ser lançado no eSocial depois do dia 07/09/2017.
            Atenciosamente,

            Marinês Jesus
            (11) 5181-8110
            rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  45. Márcia

    estou com erro não consigo fechar a guia 05/2017 em situação de ferias
    Erro na estrutura da solicitação: The element ‘remunPerApur’ in namespace ‘http://www.esocial.gov.br/schema/evt/evtremun/v02_01_00’ has invalid child element ‘infoAgNocivo’ in namespace ‘http://www.esocial.gov.br/schema/evt/evtremun/v02_01_00’. List of possible elements expected: ‘indSimples, itensRemun’ in namespace ‘http://www.esocial.gov.br/schema/evt/evtremun/v02_01_00’..

  46. ANTONIO

    Bom dia! Tenho uma rescisão de um empregado para concluir, sua data de desligamento é dia 29/03/2017 estou tentando finalizar esta informação porém a mensagem que me apresenta no sistema é de que existem remunerações posterior a data, já verifiquei e não possui…. a movimentação que existe posterior a data foi a alteração de salário pra poder fazer a rescisão (hoje 29/05/2017) tive que alterar seu salário para o minimo atual.

  47. Lilian Rodrigues

    Por favor minha empregada recebeu notificação aposentadoria em dez de 2016, tempo de serviço, e não realizei a rescisao até agora.
    Como devo proceder?
    Posso realizar Rescisão com data retroativa?
    Grata

  48. monica Cota

    Prezados,
    Fiz todos os recolhimentos de FGTS no dia 05/05/17, inclusive a multa rescisória. Ela trabalhou comigo deste outubro de 2015 a maio de 17. quando foi sacar FGTS tinha apenas um valor irrisório. Pelo meus cálculos daria uns 2000 reais de FGTS. O que fazer?

  49. SANDRA

    Bom dia estou precisando de uma ajuda, a empregada entrou de licença maternidade 30/11/2016 a 29/03/2017, só que esqueci de registrar o retorno dela no mês de março no e- social. agora estou tentando registrar o retorno do afastamento para poder dar baixa na carteira. e não consigo.
    aparece essa mensagem: o código do motivo do afastamento no evento para termino do afastamento, deverá ser o mesmo do afastamento.
    desde já agradeço.

  50. luciana cintra

    Boa Tarde

    não sei como tirar a chave do fgts – para que minha ex secretária efetue o saque. Podes me ajudar????

  51. Wilian

    Olá, Fiz a rescisão de minha babá mas na hora de ela dar entrada pra receber o fgts na caixa verificaram que o nome dela foi cadastrado com o nome de solteira, e a atendente orientou para ela solicitar para eu fazer a correção, porém, já revirei o site do e-social de ponta a ponta e não encontrei a forma de fazer essa alteração. Quando fiz o cadastro eu estava apenas com a ctps e por isso acabou ficando com o nome de solteira. vocês saberiam como consigo fazer essa alteração? Desde já agradeço.

  52. WANDERLEY

    Boa tarde, por favor. Minha empregada está afastada desde 20/06/16 por motivo de doença. Operou e não se recuperou. Pois bem, Qdo ela saiu, paguei as férias do ano passado (2014/2015) que já estava vencida (01/06/2015), lancei no e-social inclusive. Pois bem, minha dúvida é… ela tem mais uma férias que venceu dia 01/06/2016 (quero pagar agora dia 29/05/2017) porque ela está precisando. Como devo proceder em relação ao e-social, se ela está afastada ? Devo preencher o período das férias normal e atual, mas isso não irá dará dar problemas, pelo motivo do afastamento ? Não sei como devo lançar essas férias no e-social, POR FAVOR, ALGUÉM PODE ME AJUDAR ?
    ATT ROSE -11-4221-48-11

    1. Lalabee

      Bom dia Rose, tudo bem?
      Acredito que não será possível o pagamento das férias da sua funcionária pois ela ficou afastada mais de 6 meses dentro de um período aquisitivo.
      Para verificar, você deve observar a data de contratação da sua funcionária e observar quantos meses ela ficou afastada dentro do período aquisitivo.
      Caso tenha dificuldade para entender, você pode ligar para o telefone 158 para que ele possam te auxiliar com o cálculo do período aquisitivo.
      Atenciosamente,

      Marinês
      rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

      1. Marines

        Olá Marinêz. Boa tarde… obrigada pela sua atenção…. estou “perdidinha”….
        A data de contratação dela é 01/06/2014.
        As férias ref. 01/06/14 a 31/05/15 foram acertadas e quitadas em Março/16 (Fiz todos os lançamento no e-social, tudo certo).
        Saiu de licença / afastamento por doença dia 20/06/16.
        As férias ref. 01/06/15 a 31/05/16 eu queria acertar agora para ela (porque está precisando).
        Mas como ela está afastada, não sei se posso fazer o lançamento no e-social ou não ?
        E o período que tenho que lançar no e-social ? Qual data vou colocar ? Se ele está afastada ?
        Deu para entender ????
        Socorrooo…. rsrs
        Rose

          1. Marines

            Oi Marinêz…. Boa tarde…. Você é muito atenciosa, agradeço demais….. Mas se eu for fazer o lançamento no esocial quando ela voltar do afastamento (se for voltar né … o que eu estou achando muito dificil, a situação é grave) não vai dar problemas ? Eu vou conseguir lançar as férias que já estarão vencidas ? Se sim, a guia do e-social será gerada com o valor em “dobro” ? O e-social não entenderá que as férias já está vencida em mais de 2 anos ? Será que vou conseguir fazer o lançamento sem ser prejudicada nos valores ? Ou eu estou pensando errado ? Muito Obrigada novamente e desculpe a insistência no assunto…… Abs

          2. Lalabee

            Oi Rose,
            Não tenho como garantir se vai conseguir ou não lançar as férias no eSocial depois do prazo.
            Do que tenho conhecimento é que férias que passam do prazo são pagas em dobro, portanto o eSocial entenderá que estão vencidas e fará a cobrança em dobro.
            Portanto se você fizer o pagamento das férias para ela, não terá como fazer o lançamento no eSocial devido ao afastamento dela.
            Atenciosamente,

            Marinês
            rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776

  53. Alice

    To a dias tentando desligar minha funcionaria e sempre aparece essa mensagem, sendo que não há nada programado para data posterior ao desligamento.

    *Não foi possível registrar o evento atual pois existe(m) evento(s) cadastrado(s) com data de ocorrência posterior para esse trabalhador. Para que seja possível esse registro, executar os seguintes passos: a) Excluir todos os eventos ocorridos com data posterior ao evento que se pretende informar; b) Fazer o registro do evento conforme pretendido; c) Informar novamente em ordem cronológica os eventos excluídos, se continuarem válidos. Consultar o Manual para obter orientações sobre consulta e exclusão de eventos.
    *Não pode existir qualquer evento para o vínculo trabalhista com data posterior a data do desligamento. Ação Sugerida: Não deve existir qualquer evento para o vínculo indicado no evento de desligamento com data posterior a Data de Desligamento ou data final da Quarentena, quando houver, uma vez que o desligamento põe termo ao vínculo trabalhista. A exceção a essa regra se restringe a pagamento de PLR (código 1300 da tabela de natureza de rubricas), eventos de monitoração de saúde do trabalhador (S-2220) e Reintegração.

    1. Post
      Author
  54. Sirlene Maria da Silva

    Bom dia,

    estou tentando fazer o desligamento da minha empregada doméstica, quando peço para concluir o fechamento sai a mensagem( o fechamento não de ser concluindo verifique se o funcionário esta ativo ou Afastado, só que ele esta ativo e não tem afastamento lançado para ele, como devo proceder alguém pode me ajudar?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Sirlene, tudo bem?
      Você já verificou se o funcionário em questão tem férias em aberto?
      Antigamente no eSocial, quando as férias eram lançadas, você tinha registrar a saída das férias e também o retorno.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  55. Larissa

    Bom dia,
    Fiz o desligamento da minha empregada ontem (07/03/2017), paguei todas as verbas rescisórias, com exceção da DAE competência março (ela trabalhou 7 dias), e na ocasião, o e-social informou que essa guia só seria aberta em 08/03/2017. Hoje, quando fui tentar gerar a guia, não consegui, pois a empregada já consta como desligada e não dá para editar.
    Vocês podem me ajudar?
    Muito obrigada,
    Larissa

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Larissa, tudo bem?
      Como a guia que você vai gerar é de rescisão, não há informações a serem editadas, o valor é lançado automaticamente pelo eSocial.
      Você deve apenas abrir a competência de Março e clicar em “Encerrar Folha”.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  56. Raquel Rocha

    Bom dia!
    Demiti minha empregada e fiz todo o desligamento junto ao e-social. Mas, por descuido coloquei no e-social data de admissão como: 01/07/2015, mas, na carteira está 01/07/2014 (data correta). Qdo ela foi sacar o FGTS não foi possível por essa incongruência. Orientaram que eu fizesse uma observação a caneta no próprio papel de rescisão (segundo o que minha ex-funcionária me repassou). Até fiz, mas, receio que isso não dará certo no retorno.
    Tentei fazer a mudança no site do e-social, mas, não é possível. Mesmo eu refazendo o desligamento (exclui o antigo e fiz um novo).
    Há alguma forma de eu refazer esse erro?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Raquel, tudo bem?
      Como o desligamento já está concluido, não tem mais como fazer alterações no eSocial.
      Caso o procedimento informado pelo funcionário da Caixa não dê certo, o correto é fazer a correção desta data através de RDT.
      Para preenchimento da RDT, você deve comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal, com o termo de rescisão e quitação em mãos e cópia da CTPS da funcionária das páginas de foto, verso da foto e página do contrato de trabalho.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  57. Andrea Mesquita de Menezes

    Boa tarde,

    Tenho uma dúvida (que deve ser a de muitos). Dei o aviso prévio da empregada que trabalha em minha casa dia 22/02/2017. Ela escolheu a opção de “ausência do trabalho por 07 dias corridos”, que será dia 17/03. Irei dispensá-la dia 15/03. Os trinta dias de aviso prévio será dia 23/03/2017. Se eu colocar a data do desligamento como 17/03 o valor será menor do que os trinta dias que é obrigatório por lei. Assim, pergunto: como faço com a data do desligamento? Que dia coloco: 23/03, 17/03 ou 15/03?
    Grata

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Andrea, tudo bem?
      Mesmo que ela trabalhe 7 dias a menos, você deve pagar os 30 dias, portanto, a data do desligamento no seu caso é 23/03.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  58. Cláudia

    Olá,

    Tenho uma empregada doméstica que tirou atestado médico no dia 04/12/16 por 15 dias. No dia 19/12/16, ela deveria voltar, mas não voltou. E não mostrou nenhum atestado novo. Já se passaram mais de 30 dias (que foi completado no dia 17/01/2017). Posso fazer a rescisão por justa causa no ESOCIAL? Como devo proceder?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Cláudia, tudo bem?
      Neste caso a rescisão deve ser feita por abandono do emprego.
      Você precisará de ajuda de um advogado trabalhista para fazer todos os processos legais para realizar o desligamento com este motivo e também realizar o pagamento em juizo.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  59. Ingrid

    Bom dia!
    Alguém já resolveu essa questão de afastamento? Dei férias a empregada e entrou como afastamento e agora que preciso desligar ela.. não consigo! Já entrei em contatos com o fiscal da receita e ele tb não sabe como resolver! E agora?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Ingrid, tudo bem?
      Nós temos o serviço de rescisão completo onde resolvemos problemas como o seu que impedem o desligamento.
      Não tenho como te passar uma resposta precisa, pois às vezes, o que impede a conclusão de uma rescisão é um conjunto de informações lançadas de forma errada no eSocial
      Se precisar da nossa ajuda, envie um e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    2. Flavia

      Ingrid, vc conseguiu resolver seu problema com o afastamento no desligamento? estou com o mesmo problema e não consigo resolver.

        1. Marines

          oi Boa Tarde, que bom que respondeu, não não consigo mexer em nada nesse período, vou mandar um print pra vc ver, estou desesperada e a rescisão é dia 31, eu não consigo excluir as férias e nem alterar datas, na receita federal eles não sabem dizer oq eu tenho que fazer e sem consigo um suporte por telefone…ta complicado !!!

          Contabilidade Hércules
          Rua Carmem Linhares de Souza, 469- Centro
          Navegantes/SC- Cep: 88370-338
          Fones: (47)3319-0983/ 9 9101-2124

          1. Marines

            Oi, aparece isso…eu ja salvei, tentei mudar a data, refiz todas as folhas de pagamento posterior…enfim

          2. Marines

            Mto Obrigada mesmo por estar me ajudando nisso, amanha eu ia enfrentar a receita federal atras de uma resposta, mas vou fazer tudo por aqui antes. Olha como aparece nas movimentações trabalhistas, é aqui que eu excluo neh?

          3. Marines

            Marinês uma pergunta, estava pensando em excluir essa funcionaria do sistema e fazer tudo de novo, vc acha que dará certo? será que vai dar problemas junta da receita federal?

          4. Marines

            eu mandei um print pra vc, ele não me deixa excluir ali na movimentaçoes trabalhistas, é ali que eu excluo neh?

            Contabilidade Hércules
            Rua Carmem Linhares de Souza, 469- Centro
            Navegantes/SC- Cep: 88370-338
            Fones: (47)3319-0983/ 9 9101-2124

          5. Marines

            Marinês mto obrigada mesmo…eu conseguiiiiiiiiiiiiiiiii, exclui as movimentações, eu achava que não dava pq nao acendia os laranjas pra excluir, mas fui fazendo desdo do primeiro evento e excluindo….Obrigada…Deus abençoe vc mto.

  60. Martha

    Boa tarde, meu empregado doméstico morreu enquanto estava no auxílio doença pelo INSS. Como posso fazer o desligamento dele do esocial, tendo em vista que não há essa possibilidade de escolha de desligamento por morte de empregado que estava licenciado. Ele não tem dependentes. Eu tenho que recolher alguma guia para fazer esse desligamento? obrigada.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Martha, tudo bem?
      A morte do empregado (aposentado ou não) extingue, automaticamente, a relação de emprego. Para fins de pagamento das verbas trabalhistas, a morte equivale a demissão (rescisão motivada pelo empregado), seja ela ou não conseqüência de acidente de trabalho.

      As verbas devidas são: saldo de salário, férias proporcionais mais 1/3, férias vencidas mais 1/3, 13º salário proporcional e a liberação do FGTS sem o depósito da multa rescisória de 40%, se houver.
      Na rescisão por falecimento do empregado não há pagamento de aviso prévio.

      A data da rescisão e da baixa na CTPS será considerada a data do óbito, constante da certidão de óbito do empregado.
      Não existindo dependentes ou sucessores, os valores devidos reverterão em favor, respectivamente, do Fundo de Previdência e Assistência Social, do FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço ou do Fundo de Participação PIS/PASEP – Decreto n. 85.845/81, art. 7º.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  61. Maurício Jerozolimski

    Olá, boa tarde. Será que poderiam me ajudar?
    Estou efetuando a rescisão de um empregado doméstico contratado em 02/2013 com recolhimento de FGTS de forma facultativa desde a contratação. Pelos manuais da Caixa e do eSocial, eu deveria registrar a rescisão pelo eSocial e adicionalmente gerar uma guia GRRF para pagamento da multa rescisória relativa ao período de recolhimento de FGTS anterior à 10/2015. Porém ao acessar o sistema grfempregadodomestico para tentar gerar a guia e indicar a data de demissão como a data efetiva do desligamento (17/01/2017) o sistema me informa que desligamentos posteriores à março/2016 devem ser feitos pelo eSocial e bloqueia os outros campos, impedindo a continuidade para emissão da GRRF.
    O que devo fazer? Devo indicar uma data anterior de desligamento? A data de lançamento do eSocial? Que data coloco como demissão, 01/10/2015? E como data de quitação?
    Agradeço desde já a atenção.
    Att.,

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Bom dia Maurício, tudo bem?
      Você deve gerar um cálculo rescisório considerando o período da data de admissão e desligamento 30/09/2015, para gerar os cálculos e multa do FGTS anterior ao eSocial.
      A data de desligamento neste caso ser[a 30/09/2015 porque a multa de 40% do FGTS é aplicável apenas até esta data.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  62. Karla

    Tenho uma funcionária doméstica, ela pediu para se desligar dos serviços prestados, gostaria de saber quantos dias de aviso prévio ela deve pagar, e quais são os direitos que ela deve receber, uma vez que foi ela quem pediu para desfazermos o vínculo empregatício. Aguardo ansiosamente a resposta.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Karla, tudo bem?
      Se ela não vai cumprir os 30 dias de aviso, você deve descontar o valor de 1 salário.
      Quanto aos valores que ela deve receber, sugerimos a utilização de uma aplicativo para cálculo rescisório para não correr o risco de esquecer alguma verba. Os direitos básicos que ela tem assegurado são saldo de salário, proporcionais de férias e 13o. salário.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  63. Waleria França

    Bom Dia, estou tentando fazer o desligamento de uma domestica, mas no momento de concluir dar erro, pois a situação dela está como afastada. Masa movimentação trabalhista não mostra nenhum afastamento nesse período e nenhuma outra movimentação. e quando vou em afastamento temporario, tambem nao consta nada.

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Bom dia Waleria, tudo bem?
      O eSocial passou por algumas modificações recentemente que estão impactando alguns usuários.
      Surigo que você entre em contato com o número 158 opção 2 e depois 1, para deixar registrado o problema que está tendo para possam fazer a retificação necessária no seu cadastro.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  64. Jessica Rodrigues

    Fiz o desligamento da funcionaria com aviso indenizado, porem o esocial não esta descontando o INSS sobre o indenizado apenas sobre os dias de salario, como faço para incluir esse desconto, uma vez que é devido?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Jessica, tudo bem?
      No cálculo do desligamento do eSocial as verbas de aviso indenizado não constituem a base de cálculo para o desconto do INSS e não tem como ser adicionado aos cálculos, pois não existe uma rúbrica destinada a este desconto.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  65. Julia Uchoa

    Boa tarde,
    Fiz o desligamento da minha empregada doméstica em 30 de Dezembro de 2016, paguei a guia rescisória, imprimi o termo de quitação e entreguei tudo assinado e perfeito, quando ela foi na CEF na última sexta feira (06 de Janeiro), informaram que ela não conseguiria sacar o FGTS, pois o número da carteira de trabalho foi cadastrada incorretamente no esocial. Verifiquei que realmente faltou um numero no cadastro.
    O funcionário da CEF solicitou que eu fizesse uma ressalva no termo de quitação, mas não encontrei nada parecido com ressalva no sistema.
    A única opção seria excluir o desligamento, fazer a alteração no cadastro e fazer um novo desligamento.
    Como já fiz todos os recolhimentos e o pagamento da rescisão no dia 30, tenho receio de ter que pagar multas, ou algo em duplicidade com um detalhe cadastral.
    Qual a sua orientação?
    Desde já obrigada

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Julia, tudo bem?
      Você deve ir a uma agência da CEF e solicitar uma RDT para correção do número da CTPS.
      Quando você for a uma agência leve cópias autenticadas das páginas da CTPS:

      – página da foto;
      – página verso da foto;
      – página contrato de trabalho;
      – página anotações gerais;
      – RG da funcionária

      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  66. Kelly Nery

    Olá boa tarde,
    Fiz o desligamento de uma funcionária em 01/12/2016, quando fiz todos os pagamentos pertinentes. Sendo que em 12/12/2016 admiti nova funcionaria e ao fechar a folha desta o sistema esocial não desvincula a rescisão, não conseguindo assim pagar apenas os encargos da funcionária ativa. Já encaminhei mensagem para eles, mas ainda não obtive retorno e como o vencimento é 07/01/2017 venho pedir um luz de como resolver.
    Agradeço desde já!
    Feliz 2017

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Kelly, tudo bem?
      O valor da rescisão da outra funcionária deve estar vinculado a guia de recolhimento, pois é necessário que se faça os recolhimentos de INSS sob o valor da rescisão. Por este motivo o empregado desligado não tem como ser removido da guia de recolhimento, pois é obrigatório.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  67. Viviane

    Bom dia, pode me ajudar por gentileza.

    Minha empregada entrou 03/11/14 e pediu demissão dia 09/12/16. Aviso trabalhado. No social informei a data da demissão:08/01/17 e data do aviso 09/12/2016, possui 1 ferias vencida ref a 03/11/2015 a 03/11/2016 (informado) – salario 1052,34

    Quando informo saldo de salario (9dias) 305,52 o valor liquido da recisão não bate, Não sei aonde entra o valor do aviso trabalhado para aparecer no termo de recisão contratual. Então para o valor dar certo estou tendo que colocar no saldo de 9 dias salario o valor integral do salario 1052,34. Ai o valor liquido a pagar será 2.605,16.

    Na verdade para quem não tem experiencia é difícil preencher no esocil
    Esta assim :
    Verbas recisorias:
    saldo 9 dias salario 1052,34
    ferias vencidas 1052,34
    terço constituc de ferias 409,24
    ferias proporcionais 2/12 avos 175,39

    das deduções
    previdencia social: 84.18

    Valor liquido a pagar 2.605,13

    (sei que tenho que pagar o saldo do salario + o aviso trabalhado, o resto é confuso)

    Não sei se tenho que informar mais alguma coisa. Os valores do decimo terceiro salario foram pagos em duas parcelas, nov e 20 dezembro.
    Pode me ajudar se esta tudo correto por favor

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Viviane, tudo bem?
      O mês de aviso trabalhado deverá ser pago com um recibo de salário normal. Na rescisão entram apenas as verbas rescisórias que no caso são apenas os 09 dias de saldo de salário.
      Portanto você deve fazer a correção do saldo de salário para os 09 dias que já estavam lá e fazer o pagamento do aviso em um recibo de salário.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  68. EDNALDA ELIAS

    B TARDE, DESDE O COMEÇO DO MES DE DEZEMBRO, ESTOU TENTANDO LANÇAR AS FERIAS DE UMA EMPREGADA, SÓ QUE DIZ O SEGUINTE: O FUNCIONÁRIO TEM QUER ESTAR ATIVO PARA PODER TIRAR FERIAS, ELA SE ENCONTRA AFASTADA, NÃO TEM EVENTO DE AFASTAMENTO DELA :DETALHE GUANDO APARECE O NOME DELA COM DATA DE ADMISSÃO AI TEM O NOME AFASTADO MAS NÃO TEM DATA E NOS DADOS CADASTRAIS E CONTRATUAIS, MOVIMENTOS, NÃO EXISTI AFASTAMENTO NEUNHUM PRA ELA…. QUE FAÇO.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Ednalda, tudo bem?
      O eSocial passou por modificações recentemente e alguns usuários estão com problemas de origem desconhecida como o seu. Funcionários sem informação de folha dentre outros problemas.
      Neste caso não tem nada que possamos fazer, para resolver esta questão será necessário entrar em contato com o número 158 e reportar o erro mencionado, para que eles possam verificar o seu usuário e tomar as providências cabíveis.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  69. Fernanda Rodrigues Oliveira

    Boa tarde, estou tentando dispensar uma funcionária nesse mês de dezembro entretanto quando vou preencher o desligamento no e-social informa que não pode haver remuneração na folha de dezembro. Eu já zerei esta folha e mesmo assim o sistema continua informando que não pode haver remuneração para o mês de desligamento e não prossegue com a recisão. Será por causa do décimo terceiro? Como faço esse desligamento?

    1. Post
      Author
  70. Zenaide

    Boa tarde , poderia me ajudar, não consigo efetuar a exclusão de um desligamento em fevereiro /2016 fala que a tem que a reabrir a folha, mas tento reabrir a folha fala que tenho primeiro que excluir o desligamento… isso esta me impedindo de fechar a folha do 13

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Zenaide, tudo bem?
      Para excluir o desligamento, você deve realmente reabrir a folha do mês que ocorreu o desligamento. Você deve reabrir a guia e não realizar nenhum outro procedimento na mesma, e todas as outras guias após o desligamento, também devem estar reabertas.
      Depois deste procedimento você deve tentar excluir o desligamento, para então retornar as competências para encerra-las novamente.
      Se precisar de ajuda profissional envie e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  71. Lucyana

    Boa tarde!

    Fiz uma rescisão de pedido de demissão (no código 07).. Porém o e-social está imputando verbas de FGTS rescisório. Está correto??

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Lucyana, tudo bem?
      No momento em que está na aba de “desligameto” no eSocial, quando este código é utilizado não é gerado guia de FGTS rescisório. No entanto, quando você gera a guia da competência que ela foi desligada, todos os impostos serão recolhidos, inclusive o FGTS sobre o valor da rescisão.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  72. Thiago Freire Guth

    Boa tarde. Desliguei minha empregada domética em outro, porém, não consigo encerrar no sistema e-social. Aparece uma mensagem que preciso zerar a remuneracao do mês vigente. Eu executo esta ação, mas a mensagem permanece e nao deixa efetuar o desligamento.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Thiago, tudo bem?
      Caso você tenha encerrado a competência em que está fazendo o desligamento, esta competência deve ser reaberta, mas nenhuma remuneração deve ser salva, a guia deve ser apenas reaberta, sem nenhum outro tipo de alteração. Após reabrir a guia, você deverá conseguir finalizar o desligamento.
      Se precisar de ajuda profissional envie e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  73. Fernanda

    Boa tarde!

    Preciso fazer a rescisão de uma funcionária, e não consigo concluir por dizer que ela está afastada, porém ela nunca ficou afastada, e quando entramos em Afastamento não há nenhum registro encontrado, o que devo fazer?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Fernanda, tudo bem?
      Você deve verificar se alguma vez fez registro de férias. Férias também são consideradas como afastamento.
      Caso tenha feito registro de férias, exclua este registro e depois o faça novamente.
      Desta forma as férias serão registradas de maneira apropriada e a funcionária não constará como afastada, possibilitando o desligamento.
      Se precisar de ajuda profissional envie e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  74. Raimundo

    como resolver essa questão no desligamento do funcionario aparece essa mensagem: Sr. empregador para que o desligamento seja concluido não deve haver informação de remuneração para o empregado no respectivo mês…. Já reabri o mês do desligamento e consta apenas R$ 0,00 na remuneração… como posso concluir esse desligamento???

    1. Post
      Author
  75. Luiz Claudio Sousa Pedro

    Prezados,

    Boa tarde!

    Fiz todos os recolhimentos (em atraso) da empregada e o pagamento das Guias (em anexo) no dia 29-11-2016, até a presente data o recolhimento do FGTS não aparece na Caixa, o mais estranho que eu consegui um relatório da Receita Federal com todos os pagamentos com o código da Receita 8888.

    O que tenho que fazer se já fui na Receita Federal e eles não tem o conhecimento necessário para verificar os pagamentos e o código que foi lançado pela própria receita? A empregada quer sacar o FGTS e não aparece na Caixa.

    Aguardo uma resposta URGENTE,

    Desde já agradeço,

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Bom dia Luiz Claudio, tudo bem?
      Você deve solicitar a empregada que retire um extrato da sua conta FGTS em uma agência da CEF.
      Nestes casos também é necessário verificar se o número NIT/NIS/PIS que ela informou está correto.
      Também deve-se levar em consideração que a compensação do pagamento retroativo que você fez, pode não ter compensado e por este motivo não está sendo vizualizado na conta FGTS dela.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  76. Joao Carlos

    Boa tarde !!! Equipe Lalabee
    tudo bem?
    gostaria que vcs me ajudassem com a seguinte questão:
    fiz o fechamento do mes de setembro sem colocar observação do retorno da empregada, que estava afastado por doença, e continuei a fazer os meses seguintes, o programa não aceita fazer o acerto do mes de setembro no mes de fechamento.
    E agora como faço tenho que retificar todas as guias, já entregues???

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia João Carlos, tudo bem?
      Primeiramente, você deve reabrir todas as guias que você encerrou após o mês de setembro. Depois disso, você deve registrar o retorno do afastamento dela, se não for possível registrar apenas o retorno, você deverá excluir o afastamento para registrá-lo novamente.
      Após este procedimento você deverá então, encerrar as guias de Setembro em diante para retificar o que havia feito antes.
      Você não deve ter problemas quanto a guia de Setembro pois ela encontrava-se afastada e em casos de afastamento por doença, não tem recolhimento de impostos, portanto as guias posteriores é que deverão ter o valor de recolhimento com base no salário dela.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  77. Vanessa

    Boa Noite
    Demiti por motivo de “Força Maior” (Como diz o E-social), minha empregada em 17/10/16, tenho 2 dúvidas:
    1- Recolhi errado o FGTS demissional com data de 17/10/16, logo após corrigi o erro, para a data de 17/11/16, e foi gerado novo boleto de valor integral e diferença pouca, que não paguei (pois já havia pago o anterior). Como tentar pagar só a diferença, uma vez que não encontro esse recurso no site?
    2- Registrei sua carteira de trabalho em 2005 com meus Dados, mas quando a cadastrei no E-social, fiz com os dados de meu marido. Ela disse que ñ consegui retirar seu Fundo de Garantia, pq os dados eram diferentes, e me pediu p alterar no e-social. Mas tenho tentado sem sucesso essa alteração. Como devo proceder?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Vanessa, tudo bem?
      Não tem como gerar a guia da diferença, pois esta opção não está disponível no site do eSocial. Neste caso o correto seria solicitar o reembolda da guia que fez o pagamento errado, mas isto implicaria em a empregada doméstica ter que esperar 30 dias para sacar o FGTS, pois este é o prazo estipulado pela CEF.
      Como você fez o cadastro e recolhimento dos impostos para ela em nome do seu marido e como não existe a possibilidade de correção do empregador no site do eSocial, você deverá procurar uma agência da Receita Federal para ver o que é possível ser feito neste caso, para que ela possa sacar o FGTS.
      Outra possíbilidade seria verificar junto a CEF se é possível fazer uma RDT para correção do nome do empregador. Se esta opção for válida, bastaria então para completar o processo, escrever uma ressalva em anotações gerais na carteira dela com o nome do seu marido como empregador.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  78. Vitória

    Boa dia.
    Minha vó faleceu e tivemos de fazer a rescisão do contrato de trabalho da empregada doméstica.
    Contratamos uma contadora que procedeu à rescisão. Verifiquei que no motivo consta “02 – Rescisão sem justa causa por iniciativa do empregador”, mas na verdade deveria ser “09 – Rescisão por falecimento do empregador individual “. Certo?
    Isso mudaria o fato do pagamento da multa de 40% de FGTS e desnecessidade de aviso prévio? Porque a jurisprudência prevê.
    Posso simular uma demissão nesse sentido pelo e-social?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Vitória, tudo bem?
      Na verdade o motivo deveria ser o “14”.
      Como o desligamento da-se por motivo de falecimento, ela tem os mesmos direitos de um empregado que tenha sido demitido sem justa causa por iniciativa do empregador e deve ser aviso prévio indenizado.
      Só há necessidade de pagamento da multa dos 40% se a sua avô estava realizando o pagamento do FGTS antes da obrigatoriedade ou seja, antes de 01/10/2015.
      Você pode simular o desligamento com esse motivo no eSocial, mas para isso terá que excluir o desligamento que o contador gerou.
      Atente-se também ao fato de que se você já gerou guias de FGTS rescisório e as pagou, não tem como editar a guia para remover o valor que já foi pago.
      Se precisar de ajuda profissional envie e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  79. Duda

    Boa tarde, eu preciso de uma orientação.
    Realizei o desligamento da empregada de casa, e por conta de um equivoco do meu contador a guia foi emitida pelo e-social porém a recisão foi manual.
    Após varias tentativas dela em fazer a entrada no seguro desemprego conseguimos identificar que houve uma falha e na forma da recisão.
    Como faço o desligamento dela agora pelo e-social, pois está gerando guia de 13° indevidamente.
    Me orientem, por favor!!

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Duda, tudo bem?
      Preciso de mais alguns detalhes para te passar uma orientação.
      Quando ela foi contratada (dd/mm/aa) e quando foi feita a rescisão dela (dd/mm/aa).
      Você fez seu cadastro e o cadastro dela no eSocial ? Pagou todas as guias durante o tempo em que ela esteve com você?
      Aguardo seu retorno.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  80. Edilaine Laselva de Toledo

    Boa tarde,

    Fiz o desligamento da minha baba, paguei a guia recisória, imprimi o termo de quitação e entreguei tudo assinado e perfeito, quando ela foi na CEF informaram que existiam 3 problemas para ela conseguir sacar o FGTS:
    * o nome da mãe dela estava errado, mas eu nem coloquei nome da mãe dela em nenhum lugar, como posso resolver isso?
    * no campo pensão deve estar zerado, posso alterar isso e reimprimir o termo?
    * solicitaram a chave para fazer o pagamento, eu li em algumas respostas acima que não é possível imprimir essa chave, a unica solução é trocar de agencia?
    Devido a isso o funcionário da CEF solicitou que eu fizesse uma ressalva no termo de quitação, existe algo no sistema para fazer essa ressalva?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Edilaine, tudo bem?
      * o nome da mãe dela estava errado, mas eu nem coloquei nome da mãe dela em nenhum lugar, como posso resolver isso?
      O nome da mãe deve estar errado em algum documento dela (CPF ou NIS/NIT) e para a correção você deve solicitar uma RDT em uma agência da CEF.
      * no campo pensão deve estar zerado, posso alterar isso e reimprimir o termo?

      Sim você pode reabrir a rescisão e colocar 0,00 no campo determinado, mas existe a possibilidade de continuar não aparecendo no termo de resicsão.
      * solicitaram a chave para fazer o pagamento, eu li em algumas respostas acima que não é possível imprimir essa chave, a unica solução é trocar de agencia?

      Sim, essa informação procede, pois o empregador doméstico não tem como gerar a chave, pois esta opção não está disponível no eSocial, tornando-se responsabilidade da CEF gerar esta chave no momento do saque de forma manual.
      Devido a isso o funcionário da CEF solicitou que eu fizesse uma ressalva no termo de quitação, existe algo no sistema para fazer essa ressalva?

      Não existe nenhum campo para ressalvas no eSocial e tampouco procede a informação deste funcionário solicitando esta ressalva, pois qualquer ressalva em termos de rescisão e quitação são considerados rasuras.

      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. LIDIA YUKIE YAMAGUCHI CAMPOS

        Olá,

        Poderia por gentileza me informar se, alternativamente ao formulário RDT, eu poderia cancelar o evento “desligamento” e ratificar o nome da mãe da funcionária e gerar novamente o termo de rescisão contratual? Já paguei a guia de recolhimento. Qual é a implicação em fazer o procedimento acima?

        Pelo que entendi, o RDT gera “dor de cabeça” maior para o empregador que tem que se deslocar para uma agência da caixa e seguir com toda burocracia de algo que não foi responsável por gerar.

        Aguardo retorno.
        Atenciosamente,
        Lidia

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Bom dia Lidia, tudo bem?
          O procedimento que você pretende fazer não resolverá o problema devido ao fato que não existe no eSocial um campo com o nome da mãe para correção. Esta informação é retirada dos documentos da funcionária (CPF, NIT etc) de forma automática quando o cadastro do empregado é realizado no eSocial.
          A opção correta para resolver a questão antes de fazer o RDT, a funcionária deve verificar as informações dos documentos para solicitar a alteração do nome da mãe que estiverem errado. Após a correção do nome da mãe nos documentos da funcionária você poderá solicitar a RDT para correção.
          Não sugerimos que exclua o cadastro da funcionária devdio às informações que já foram enviadas para a Receita Federal.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  81. Daniela

    Estou tentando fazer um desligamento de domestica desde do dia 08/12/2016 , e não consigo quando vou tenta aparece essa mensagem ;O valor adicionado ou subtraído resulta em um DateTime un-representable.
    Nome do parâmetro: meses. e me impedi de colocar as verbas rescisórias ,fica uma mensagem dizer carregando rubricas e nada!

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Daniela, tudo bem?
      Esse me parece algum erro especificamente no seu cadastro e será necessário solicitar a orientação do suporte do eSocial através do número 158 ou dirigir-se a uma agência da Receita Federal.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  82. Ana

    Bom dia!

    Peço a gentileza de me informar o Código Sindical (31) e CNPJ da Entidade Sindical Laboral (32) , para colocar no Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho.
    Desde ja agradeço,

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Ana, tudo bem?
      Essas informações não são incluidas no termo de rescisão e quitação que deve ser gerado no eSocial, pois a categoria de empregados domésticos não tem sindicato reconhecido, até tem alguns sindicatos se você pesquisar na internet, mas os mesmos não tem convenção coletiva.
      A informação aparece em branco mesmo e os termos são gerados pelo eSocial e não devem ser preenchidos manualmente.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  83. Maria Lia

    Bom dia Lalabee!
    Vou dispensar minha domestica que está com a carteira assinada desde 2010, ela dorme em casa pela distancia da casa dela. Está tudo certinho, mas nunca fiz um contrato de trabalho especificando que ela dorme em casa, nem as folhas de ponto.
    Me informaram que devo fazer este contrato de papel com a data retroativa de 2010 e os cartões de ponto desde o inicio do Esocial.
    Agradeço a orientação,
    Maria Lia

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Maria Lia, tudo bem?
      Você até pode fazer o contrato de trabaho especificando que ela dormia no emprego, mas o que realmente importa é que ela cumpra com a sua jornada de trabalho e que a mesma esteja discriminada no contrato. Quanto as folhas de ponto retroativas, elas só foram exigidas por lei à partir de 01 de outubro de 2015.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  84. ALEXANDRE SANTOS VIANNA

    Minha empregada esteve de licença médica entre março/2016 e 17/11/2016, recebendo o auxílio-doenças durante esse período. Até a presente data (07/12/2016) ela não retornou ao trabalho e tampouco entrou em contato comigo.

    A pergunta é: tenho que pagar o eSocial de novembro dela?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Alexandre, tudo bem?
      Tem sim, mas você pode descontar as faltas e lança-las no eSocial, desta forma você não terá que pagar o imposto.
      Faça o mesmo procedimento até ela retornar ou até que consiga falar com ela, desta forma ajuda a categorizar o abando de emprego, se ela não aparecer antes de 30 dias.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  85. vaninha

    boa tarde tinha uma empregada desde 01/10/2014 que cuidava de minha sogra em fevereiro minha sogra faleceu e ficamos sem poder pagar então para não dispensa-la deixamos como diarista. Em abril ela pediu para ficar um tempo sem vim para cuidar da mãe que estava doente e foi embora e agora apareceu.
    O problema é que não alimentei nada no e-social quer dizer pelo sistema ela continua ativa e para o meu desespero todos os encargos estão sendo cobrados.Como regularizar essa situação ?
    Posso demitir com data de abril?
    Ela terá direito a todos os direitos dela com a demissão?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Ivania, tudo bem?
      Como você trocou o contrato dela de mensalista para diarista após o falecimento da sua mãe, você poderá fazer a rescisão dela com data de abril, mas deverá quitar todos os impostos em aberto até o mês de abril.
      Após este período ela não precisa ser registrada no eSocial, pois diarista não tem vinculo mensal.
      Se precisar de ajuda profissional envie um e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  86. Andréa Castelari Virgilio

    Prezados, por favor preciso de ajuda, como alterar a data de admissão de uma funcionária no e-social mas ela já foi dispensada.

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Bom dia Andréa, tudo bem?
      Como você já gerou o desligamento no eSocial e a informação já foi enviada para a CEF, você não deve mais alterar a data no eSocial.
      Para alterar esta data, você deve procurar uma agência da CEF e solicitar um RDT (Retificação de Dados do Trabalhador) para modificar esta data. São necessários 5 dias úteis para esta alteração entrar em vigor.
      Para tal, você precisará de cópias autenticadas da CTPS da funcionária da:
      – página da foto:
      – página verso da foto:
      – página do contrato de trabalho;
      – página de anotações gerais;
      – RG da funcionária

      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  87. Pedro Mendes

    Tenho que fazer a rescisão de minha empregada agora em dezembro. Já paguei 50% do 13º em novembro, mas ao fazer a rescisão o e-social calcula que ainda devo 11/12 do 13º. Entendo que isso se deve ao fato do sistema não ter considerado o adiantamento fato que só será registrado com a quitação da folha do 13°.

    Assim pregunto, é possível adiantar a abertura da folha do 13º e para lançar o adiantamento e emitir a guia referente ao 13º? Como fazer isso? Minha preocupação é que só poderei findar a quitação após 20 de dezembro prazo limite para pagamento da 2ª parcela do 13° salário.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Pedro, tudo bem?
      Você lançou o adiantamento do 13o. salário na competência de novembro?
      Se a funcionária for desligada após o dia 20/12/2016 você poderá fazer o fechamento da guia 13o. salário para ela, caso contrário não deverá fechar esta guia, pois os 50% restantes serão pagos na rescisão. Para descontar no desligamento, você deve lançar manualmente o adiantamento na aba de “descontos”.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Thais Nara Dalmagro

        Equipe Lalabee.
        Estou com caso parecido com dessa pergunta. Não estou conseguindo desligar minha domestica no sistema pois está pedindo que no mês do desligamento não pode ter lançamento de pagamento. A data de desligamento eh 31/12/2016, já paguei o 13 salário e o adiantamento do salário de dezembro em 20/12/2016 para a domestica. Também, encerrei a folha de 13 salario no sistema e a de dezembro esta aberto e com remuneração zerada conforme orientado pelo sistema. E seguindo a sua orientação acima não consigo inserir na aba descontos o valor do 13o pago. Não sei o que fazer. Há algum canal de comunicação / helpdesk do Esocial?

        Thais Nara

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Bom dia Thais, tudo bem?
          Se você fez o lançamento do adiantamento do 13o salário e também gerou a guia do Décimo Terceiro, esta informação será deduzida automaticamente do desligamento, para verificar este desconto você deve clicar na aba de “desconto” no desligamento e verificar que o valor foi descontado integralmente dos cálculos.
          O eSocial tem suporte sim, e pode ser consultado no número 158.
          Se precisar de ajuda profissional envie e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  88. EDUARDO FERRARI

    BOA TARDE,

    GOSTARIA DE ESCLARECER UMA DÚVIDA E UMADIFICULDADE QUE VENHO TENDO NO E-SOCIAL.

    FIZ O DESLIGAMENTO DE MINHA EMPREGADA DOMÉSTICA EM 24/10/2016.

    EMITI AS GUIAS RESPECTIVAS E FIZ O RECOLHIMENTOS DEVIDOS.

    ASSINAMNOS O TERMO DE RESCISÃO E ELA DEU ENTRADA NOSEGURO DESEMPREGO NORMALMENTE.

    CONTUDO, NÃO CONSIGO EXCLUÍ-LA NA MINHA PÁGINA DO E-SOCIAL.

    ELA CONSTA COMO “DESLIGADA”, PORÉMAO TENTAR EXCLUÍ-LA APARECE A SEGUINTE MENSAGEM:

    Não é possível excluir o contrato de trabalho, pois foram enviadas remunerações do trabalhador nas folhas de pagamentos. Primeiramente exclua todas as remunerações do trabalhador.”

    NÃO SEI O QUE FAZER.

    SEMPRE RECOLHI NORMALMENTE AS REMUNERAÇÕES MENSAIS (SALÁRIO, INSS,FGTS). GERAVA AS GUIAS E FAZIA O PAGAMENTO, TODO MÊS.

    NOTO QUE NAS FOLHAS DE PAGAMENTO DE TODOS OS MESES HÁ A OPÇÃO “EMITIR GUIA” EMLARANJA, PORÉM ESTES RECOLHIMENTOS JÁ FORAM FEITOS.

    O QUE DEVO FAZER?

    ATT

    EDUARDO FERRARI

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Eduardo, tudo bem?
      Não há necessidade de excluir a empregada do eSocial, pois o status dela consta como “desligado”, e mesmo ela aparecendo no seu eSocial, com este status, não serão gerados impostos mensais. Você pode verificar que em “Dados de folha/ recebimentos” consta como “sem informação”.
      Também não é possível excluir o cadastro dela, devido ao envio de informações do período em que ela esteve ativa (contratada).
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  89. RODRIGO SOUZA MARTINS

    Qual o procedimento para gerar a chave de saque do FGTS para a empregada já desligada?

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Boa tarde Rodrigo, tudo bem?
      O empregador doméstico não tem como gerar a chave, pois esta opção não está disponível no eSocial.
      A chave deve ser gerada de forma manual no momento do saque pelo funcionário da CEF.
      Peça que ela procure outra agência da CEF para realizar o saque.
      Você pode reportar no telefone 158 a agência que ela teve dificuldade para realizar o saque.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  90. Rubia

    O empregador não tem certeza de ter pago todas as guias emitidas, como proceder para saber se todas foram pagas, para que o empregado, que esta sendo desligado, quando for sacar o FGTS não tenha problemas. O empregador pode ir ate a CAIXA solicitar o extrato para conferencia. Somente o Empregador e o empregado, alguém do escritório pode fazer isso. E o que levar.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Rubia, tudo bem?
      Para verificar as guias que foram pagas você pode fazer o seu cadastro no portal eCac da Receita Federal no endereço abaixo:

      https://cav.receita.fazenda.gov.br/eCAC/publico/login.aspx

      Para realizar o cadastro você precisará dos dois último recibos de entrega do IRPF.
      O extrato do FGTS pode ser solicitado sim, mas deve ser feito pelo funcionário.
      Mas a melhor opção é verificar as guias DAE que foram pagas no portal do eCac.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  91. MARINO JOSÉ DE OLIVEIRA

    Bom dia;

    Fiz o desligamento no e-social da minha empregada doméstica, gerei todas as guias, inclusive a rescisória, fiz os pagamentos mas quando ela foi na agência da CEF informaram que ela precisava no num. do NIS. Pergunto: É possível gerar NIS após a demissão do empregado.

    No e-social fiz todo o cadastramento utilizando o num. do NIT.

    Aguardo breve retorno.

    Obrigado

    Marino

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Marino, tudo bem?
      A informação de NIT e NIS, são as informações necessárias para cadastro no eSocial, e são para a mesma finalidade, o que muda entre eles é apenas a nomenclatura.
      O fato de ter feito o cadastrado com NIT, não deveria interferir, pois a conta de benefício para o FGTS e INSS foram criadas com a informação cadastrada (NIT).
      Perante este cenário, sugiro que você verifique com a funcionária, se por acaso o número cadastrado está errado ou se ela possui dois cadastros NIT e NIS, que pode gerar duas contas (1 com número NIS e outra com número NIT), para depósito de INSS e FGTS.
      Se nenhuma das opções acima se aplica ao seu caso, peça que ela procure uma outra agência da CEF para realizar o saque.
      Você pode notificar a dificuldade que ela teve em sacar o benefício nesta agência no telefone 158.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  92. thiago

    fiz a rescisão da doméstica.
    imprimi termo de rescisão e termo de quitação.
    tudo certo.
    empregada foi na caixa para sacar e disseram que não comuniquei a saída?
    como se faz isso?
    já fiz outras rescisões e não precisou disso!
    aguardo

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Thiago, tudo bem?
      O empregador doméstico não tem como gerar a chave, pois esta opção não está disponível no eSocial. Esta chave é gerada de forma manual no momento do saque, pelo funcionário da CEF de forma manual.
      Solicite que ela vá até uma outra agência para realizar o saque. Você também pode reportar esta agência no 158, para que eles recebam a informação do eSocial.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  93. Jakeline

    Fiz o desligamento de um funcionário no esocial, porém quando o mesmo vai a uma agência da caixa para dar entrada no FGTS a caixa informa que não foi informado a chave. Só que no esocial não tem a informação desta “tal chave”, e não encontro ninguém que possa me auxilar nesta questão.

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Boa tarde Jakeline, tudo bem?
      O empregador doméstico não tem como gerar a chave para liberar o saldo do FGTS. Esta chave será gerada pelo funcionário da CEF no momento do saque.
      Nós temos relatos deste problema de outros participante do blog e também de nossos clientes Lalabee. A solução para este problema é pedir que ela vá em um outra agência da CEF para realizar o saque.
      Você também tem a opção de reportar a agência a qual ela teve dificuldade de sacar o FGTS para a central de suporte do eSocial no telefone 158.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  94. Lilian

    Boa tarde!

    Estou tentando fazer um desligamento de rescisão antecipada do contrato pelo funcionário, porém, ao tentar concluir o cálculo, o sistema do eSocial traz a seguinte mensagem de erro: “Desligamento inválido. Ação Sugerida: Se o motivo do desligamento for Rescisão antecipada do contrato a termo [03 ou 04], o tipo de contrato indicado no evento de admissão/cadastro inicial deve ser igual a [2] – (prazo determinado), e a data de desligamento deve ser anterior a data do término prevista no contrato de trabalho.”

    Poderiam me orientar?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Lilian,
      Ele está notificando a necessidade de modificar o tipo de contrato no momento do cadastro do empregado, que deve ser determinado de acordo com a informação do erro gerado.
      No momento da rescisão a data de desligamento deve ser com 1 dia de antecedência ao término do contrato.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  95. Cenira

    Preciso reemitir uma guia da competência 06/2016, com o valor do fgts de uma doméstica que foi desligada em 08/11/2016.

    Clicar em reabir a folha 06/2016 e agora não consigo encerrar, apresenta o erro: Para prosseguir com o encerramento, todas as competências vinculadas às datas de pagamentos informadas nas remunerações dos trabalhadores devem estar abertas. Verifique!

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Karina, tudo bem?
        Segue a resposta:
        Ele está notificando a necessidade de modificar o tipo de contrato no momento do cadastro do empregado, que deve ser determinado de acordo com a informação do erro gerado.
        No momento da rescisão a data de desligamento deve ser com 1 dia de antecedência ao término do contrato.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

    1. JÉSUS DIONISIO DE OLIVEIRA

      Boa tarde, estou tentando emitir o recibo de pagamento para uma empregada , visto que tenho outra em afastamento e sai apenas o salário zerado da empregada afastada. Como proceder para sair o recibo da empregada que está em atividade?

      1. JÉSUS DIONISIO DE OLIVEIRA

        OK. Já descobri como emitir o tal recibo. Mas mesmo assim, grato pela abertura de postar um comentário.

        1. Post
          Author
          John Drinane

          Boa tarde Jésus,
          Sem problemas! Fique a vontade para retornar a nosso blog.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

      2. Post
        Author
        John Drinane

        Boa tarde Jésus, tudo bem?
        Você deve fazer o cadastro da nova funcionária para que ela apareça na guia da competência que está tentando emitir.
        Verifique se já fez o cadastro.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

  96. Edilaine

    Boa tarde!

    Prezados por gentileza me tire uma duvida, existe a chave de movimentação para empregado doméstico, porque fui na caixa com a funcionária, eles disseram que além de ter de esperar 10 dias uteis para liberar o FGTS/GRRF (que foi paga hoje) eu teria também que gerar a chave de movimentação, mais até onde eu sabia não tinha chave para empregado doméstico.

    No aguardo, desde já agradeço por toda atenção.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Edilaine, tudo bem?
      A chave para saque do FGTS é gerada de forma manual pelo funcionário da CEF.
      O empregador doméstico não tem como gerar esta chave, pois esta opção não está disponível no site do eSocial.
      O saque do FGTS pode ser realizado após 5 dias depois do pagamento da guia, pela informação que temos, este prazo de 10 dias que te passaram eu não tenho conhecimento.
      Peça para sua ex-funcionária ir a uma outra agência da CEF para realizar o saque.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  97. Vanessa

    Boa tarde.

    Realizei o desligamento da empregada doméstica no sistema do e-social normalmente, porém, ela chega na caixa para fazer o saque do FGTS e eles falam que precisa da chave de liberação. Não estou entendendo, precisa dessa chave de liberação para doméstica? Porque gerei a DAE para pagamento e não saiu mais nenhum documento para emissão além do termo de rescisão e quitação. A ex-funcionária já foi várias vezes no banco sacar e não conseguiu. Alguém pode me ajudar por favor?

    Obrigada!

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Vanessa, tudo bem?
      A chave para liberação do FGTS é gerada manualmente pelo funcionário da CEF.
      O empregador doméstico não tem como gerar a chave, pois esta opção não está disponível no site do eSocial.
      Peça para ex-funcionária trocar de agência para realizar o saque.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Janice Flores

        Pois é, estou com o mesmo problema com a movimentação. o empregador é matrícula CEI, quando a funcionária tentou receber e não conseguiu, o funcionário da Caixa disse que eu teria que gerar novamente a chave no eSocial e “excluiu” a chave gerada automaticamente pelo sistema. Não consigo gerar a movimentação/chave novamente. Alguma sugestão? Obrigada a todos pelo trabalho desenvolvido neste site.

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Janice, tudo bem?
          A única sugestão que temos é solicitar ao funcionário que procure uma outra agência da CEF, pois esta chave não tem que ser gerada pelo empregador, pois o eSocial não tem esta opção para o empregador doméstico.
          Acredito que o desligamento da funcionária tenha sido gerado dentro do eSocial e este tem seu próprio código de acesso, não sendo necessário a matrícula CEI.
          A chave para saque do FGTS pelo empregado doméstico, é de responsabilidade da CEF, e é gerada manualmente pelo funcionário da CEF no momento do saque.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  98. Kelly

    Olá boa tarde,

    Na tela do “Gestão de trabalhadores”, não tem a opção de excluir o afastamento. Só me aparece a opção de exclusão da admissão da funcionária.

    Quando tento acessar a tela do desligamento da funcionária para finalizar o processo, é que não consigo, pois salvei os rascunhos até a tela que aparece as verbas rescisórias, depois não consegui fazer mais nada.

    Dúvida: Será que eu poderia excluir o cadastro da “admissão do trabalhador” e cadastrar ela novamente com a mesma data de admissão e tentar fazer o desligamento novamente?

    Agradeço novamente sua atenção e aguardo retorno.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Kelly, tudo bem?
      Você deve registrar o retorno do afastamento dela antes de fazer o desligamento.
      Não aconselho a exclusão do cadastro da funcionária, pois o problema mencionado é de afastamento.
      Registre o retorno do afastamento e depois faça o desligamento da funcionária.
      Caso continue tendo problemas e precise de ajuda profissional envio e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  99. Kelly

    Boa tarde, estou tentando finalizar o desligamento da doméstica pelo motivo DSJC com aviso indenizado, mas ao acessar a matricula da doméstica para terminar o processo aparece esta mensagem, eu nem consegui concluir ainda o procedimento, OBS: o que faço?

    “Erro.
    Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.
    (código do erro: 20161109021403NNCLDSIGIU)”

    1. Post
      Author
      Equipe lalabee

      Boa tarde Kelly, tudo bem?
      Se o erro persiste, exclua esse desligamento ou rascunho e comece ele de novo.
      Observe que o site do eSocial passou por instabilidades desde o dia 07/11/2016, e retornou ao seu funcionamento normal apenas hoje 09/11/2016.
      Atenciosamente,
      Equipe lalabee

  100. Cenira

    Bom dia

    É possivel fazer o registro de um desligamento com aviso prévio trabalhado em data retroativa no e-social?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Cenira, tudo bem?
      É possível sim.
      Mas caso você não tenha feito o pagamento da rescisão e o pagamento da guia de recolhimento referente a esta rescisão, terá multa e juros a guia e multa para o valor que deverá ser pago para a recisão.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  101. Aneli

    Boa Tarde,

    Admiti minha empregada doméstica em 07/04/2016, mas ela havia começado trabalhar em casa em 05/10/2015. Fui fazer a rescisão contratual dela e resolvi fazer a data de admissão retroativa para ela ter o benefício do seguro-desemprego. Fui no e-social e alterei a data de admissão para 05/10/2015, paguei todas as guias atrasadas e fiz o desligamento, até aí tudo certo.
    Ela foi até a caixa e não consegue sacar o FGTS pois no sistema da caixa diz que ela tem dois registros, um com data de admissão em 05/10/2015 e outra com data de 07/04/2016. Falaram para ela que eu tenho que arrumar essas datas de admissão para ela conseguir sacar o benefício.
    Olhei em todos os lugares do e-social e lá só conta ela cadastrada 1 vez e com data de 05/10/2015. Não sei mais onde procurar.

    Obrigada pela atenção

    Aneli

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Aneli, tudo bem?
      Você deve comparecer a uma agência da CEF com os termos de rescisão e quitação da sua funcionária e explicar o que está acontecendo.
      Na agência eles vão te fornecer um documento para fazer esta correção das datas e a junção das contas para a sua ex-funcionária realizar o saque.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  102. Eriberto de Freitas

    Boa tarde!
    Tenho a a seguinte dúvida:
    Tenho 2 empregadas domésticas e estou com o eSocial atrasado. – Gostaria de atualizar o pagamento de uma só para demití-la, mas uma contabilista me falou que só poderia fazê-lo se quitar todo o eSocial.
    É verdade, isso?
    Obrigado.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Eriberto, tudo bem?
      Sim é verdade, pois as guias são únicas, ou seja, não são emitidas por cada funcionário.
      Quando você solicitada a geração de uma guia no eSocial, ela gera os impostos de todos os funcionários cadastrados.
      Caso você exclua um dos funcionários, você terá pendências futuras em dobro de competências já pagas.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  103. Jacqueline

    Olá, bom dia! Estou tentando fazer o desligamento no sistema e aparece esta mensagem “Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”)”
    Já fiz este comando de excluir a remuneração do mês. Todos os impostos foram pagos em dia. O que pode ser?

    Obrigada

    1. Post
      Author
  104. Manoela Borges

    Bom dia,
    Estou tentando fazer o desligamento da minha empregada e o esocial solicitou que eu reabrisse a folha de pagamento e excluísse toda remuneração do mês do desligamento. Eu reabri a folha e excluí a remuneração mas continua a aparecer a mensagem: Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”). Fiz isso repetidas vezes, mas como a remuneração já está em R$ 0,00 não aparece mais a opção de excluir ação.
    A opção de desligamento é rescisão por término de contrato a termo.
    Muito obrigada pela atenção.

    1. Post
      Author
  105. ANGELO de bortoli Filho

    Boa tarde,

    Fiz o desligamento da minha empregada doméstica e quando ela foi receber junto a Caixa Econômica notaram que o NIS estava errado, como faço para corrigir? Tentei mas o sistema diz que não tenho mais nenhum funcionário ativo.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Angelo, tudo bem?
      Para fazer a correção você deve ir a um agência da CEF, com o Termo de rescisão e quitação, o número correto do NIS e solicitar o preenchimento de uma RDT para que a informação seja retificada e ela possa fazer o saque do FGTS.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  106. PATRÍCIA

    Olá,

    A minha empregada doméstica pediu demissão hoje e vai cumprir o aviso, como faço? O esocial não permite a data do desligamento em 01/12/16 e início do aviso em 01/11/16.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Patrícia, tudo bem?
      O eSocial permite o lançamento do desligamento com 10 dias de antecedência.
      Você deverá aguardar mais algumas semanas para lançar o desligamento.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  107. Gleidson Macanhão

    Bom dia,
    Estou tentando fazer o desligamento da minha babá no eSocial e aparece a seguinte mensagem: “Não é permitido o desligamento do trabalhador. Ações Sugeridas: – Verificar se o trabalhador encontra-se ativo – Verificar se o motivo do desligamento do trabalhador é compatível com o desligamento sem retorno do afastamento”, qual o procedimento que devo tomar?
    Seu histórico é o seguinte: Cadastro inicial: 03/07/2015; Afastamento Licença Maternidade dia 14/05/2016; Retorno da licença dia 12/09/2016; Férias inicio 13/09/2016; Férias Término 12/10/2016; Desligamento 12/10/2016; Pago 13/10/2016;
    O que posso estar fazendo de errado? Como proceder para fazer o desligamento correto no sistema do eSocial?
    Desde já agradeço e aguardo retorno.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Gleidson, tudo bem?
      Tente modificar a data de desligamento para 13/10/2016, pois no dia 12 ela ainda estava de férias.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  108. Patricia

    Olá pessoal,
    Gostaria de uma ajuda, por favor.
    Demiti um empregada em fev/2016, antes de o e-social disponibilizar a opção de desligamento. Gerei a guia do período (fev/2016) e paguei corretamente. Entretanto, atualmente consta em meu cadastro uma pendência relativa ao mesmo período (fev/2016). Tento abrir a pendência, mas não consigo, pois na época acabei excluindo o registro da empregada e o sistema informa esta pendência de dados…
    Sabem se é possível resolver no próprio sistema ou terei que comparecer à um posto da Receita Federal?
    Obrigada.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Patricia, tudo bem?
      Não tivemos experiência com erros como o seu antes.
      O melhor é que você procure uma agência da Receita Federal para resolver esta pendência.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  109. Olívia

    Olá. Qdo tento fazer o desligamento da minha empregada doméstica aparece a seguinte frase “Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”)”. Fiz o que está explicando e mesmo assim não deu certo. O que fazer????

    1. Post
      Author
  110. Maria Luiza

    Boa noite,

    Demiti minha empregada doméstica em agosto de 2016.
    Ela foi à Caixa para receber a rescisão e não conseguiu.
    Descobri que, por descuido, tinha esquecido de desliga-la no sistema.
    Desliguei ela no sistema.
    Depois disso verifiquei que tinha uma guia pendente de janeiro de 2016, provavelmente por conta da confusão do 13º salário.
    Quando fui emitir a guia veio a informação de que deveria reabrir todas as guias anteriores.
    Posso reabrir com o desligamento feito?
    Se eu reabrir vou ter que pagar alguma diferença relativa às guias tempestivamente pagas?

    Obrigada pela atenção, np aguardo da resposta

    1. Post
      Author
      Equipe lalabee

      Boa tarde Maria Luiza, tudo bem?
      Você pode reabrir todas as guias e até mesmo o desligamento que foi feito, mas para isso, será preciso copiar todas as informações para lançar novamente no sistema.
      Não será necessário realizar o pagamento das guias que foram reabertas.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  111. MARCOS ROBERTO

    Gostaria de uma ajuda , e já não sei mais oque fazer, eu preciso fazer um desligamento de uma doméstica no e-Social que foi admitida em 01/01/2015 e deve ser demitida em 31/10/2016 , só que quando tento finalizar a demissão ela aparece como afastada , e o motivo está nas férias, mais ela tirou essas férias no período de 04/01/2016 a 02/02/2016 , então ela já voltou há 10 meses, acontece que não consigo nem excluir essas férias, e nem alterar nenhum campo referente as ferias já tiradas no sistema, nem fazer demissão por conta disso , como devo fazer?

    1. Post
      Author
  112. jaqueline

    Boa tarde
    Preciso de uma ajuda …
    Fiz o desligamento de uma doméstica no e-social gerei a guia rescisória. A doméstica se dirigiu á caixa e lá disseram que a demissão estava com data de 15/09 quando na verdade foi 16/09. Sendo que tudo foi feito com data de 16/09 e a caixa mandou retificar a data. Como faço a correção da data para o FGTS no caso dela? Se eu fizer um RDT vai excluir a data e não tenho como gerar chave de doméstica, pois a guia rescisória é a chave ne?
    Agradeço a ajuda

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Oi Jaqueline,
      O que você pode fazer também, é pedir para ela ir fazer o saque em uma outra agência, normalmente resolve o problema!
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  113. SORAIA RODRIGUES

    Bom dia, Lalabee

    Fui tentar fazer o desligamento da minha doméstica no E-Social , mas quando clico em CONCLUIR DESLIGAMENTO aparece a mensagem ” É necessário o envio da remuneração do trabalhador no mês imediatamente anterior a data da sua rescisão contratual antes do envio de seu desligamento.” O que isso significa ?
    Obs: Alguns meses de FGTS dela estão em atraso. Essa mensagem é decorrente aos FGTS que estão em atraso? Não consigo efetuar o pagamento do FGTS depois que desligá-la?

    Obrigada

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Soraia, tudo bem?
      Para realizar o desligamento da sua funcionária, é necessário primeiro regularizar os impostos que você tem em aberto.
      Esta mensagem tem relação as guias que não foram geradas de recolhimentos anteriores ao desligamento que você pretende realizar.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. kemilly

        Oiii!! Eu estou com o mesmo problema, porem eu nao tenho nenhuma guia em atraso. Porque isso acontece?

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Bom dia Kemilly, tudo bem?
          Qual o problema que você está tendo?
          Aguardo seu retorno.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  114. Thiago

    Olá boa noite, eu gostaria de saber o que poderia fazer para retificar o salario da minha domestica no e- social , pois quando tentei logo no inicio não consegui por erro, se acaso eu modificar o valor do salario eu poderei desligar ela normal e emitir todas as suas guias ?Preciso de respostas urgentes, fico grato.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Thiago, tudo bem?
      Retificar o salário da sua funcionária pode parecer simples, desde que não envolva recolher a diferença do valor retroativo.
      Caso você tenha alterado o valor do salário todos os meses quando foi gerar as guias mensais, basta apenas trocar a remuneração salarial para fazer o desligamento dela.
      Caso você tenha gerado as guias com valor da remuneração errado, neste caso, além de retificar a remuneração você também terá que recolher os impostos sobre a diferença da remuneração retroativamente, para depois fazer o desligamento dela.
      Caso precise de ajuda profissional, por favor entre em contato através do e-mail rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  115. Matheus Caíque

    Boa tarde! Foi feito o desligamento da doméstica (aviso prévio indenizado). Porém, a data de admissão correta é 26/08/2013 e a que consta no e-social é 01/10/2015. Qual o procedimento correto a fazer, sendo que já foi pago a Guia Rescisória + Verbas Rescisórias?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Matheus, tudo bem?
      Não é um procedimento muito fácil, mas você pode cadastrar a funcionária novamente com a data de admissão 26/05/2013 e data de desligamento 30/09/2015.
      Você deve verificar se fez os recolhimento de INSS mensal deste período, com as férias e 13º salário.
      Caso estes recolhimentos tenham sido feitos, você deve realizar o desligamento no eSocial, gerar o termo de rescisão e quitação de forma manual, gerar o FGTS rescisório de forma manual no site da caixa e a guia DAE referente ao recolhimento do INSS no site do eSocial.
      Caso precise de ajuda profissional envie e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776 ou ligue para (11) 5181-8110.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  116. Bruno Cobra

    Meu sogro tem duas empregadas e uma delas só foi registrada no eSocial neste mês de outubro, com data de admissão de 01/04/2016.
    Ao reabrir as folhas de abril a setembro para emitir o DAE para pagamento das competências atrasadas, o sistema inclui o recolhimento da outra empregada que está com os recolhimentos já pagos e em dia .
    Como fazer para emitir os DAE’s atrasados da nova empregada em separado?

    1. Post
      Author
  117. Camilla

    Bom dia, gostaria de uma ajuda. Minha empregada precisou se ausentar em março para uma cirurgia do coração. Ficou sem trabalhar até ontem, entretanto, não ficaremos mais com ela, pois nesse período algumas coisas mudaram, só que, quando tento fazer o desligamento no esocial, o mesmo está calculando com todo esse período retroativo que não trabalhou, lembrando que todo mês eu dava baixa na guia, com R$0,00, pois não estava trabalhando, e apesar de não ter o período aquisitivo por tempo, conseguiu seu benefício no INSS em setembro pelo período que ficou afastada, devido a gravidade do problema.
    Como proceder?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Camila, tudo bem?
      Mesmo ela estando afastada, ela continua tendo o vínculo empregatício mantido com você, sendo assim
      todos os meses devem ser condiserados na rescisão.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  118. Vivian Mattos

    Olá , preciso urgente de uma ajuda, desliguei uma funcionária em 20/05/16, paguei as guias e a rescisão e em 01/06/16 contratei uma nova funcionária, porém em setembro quando fui emitir a guia de pagamento apareceu a antiga funcionária que estava como desligamento apareceu ativa, ou seja estou com duas funcionárias ativas e não consigo gerar a guia pq aparece o valor em dobro para eu pagar acho que deve está calculando as duas, tá uma bagunça pq os meses que a minha antiga funcionária trabalhou aparece pendência no pagamento da nova funcionária e vice verso, parece que misturou dados de uma com da outra e o que me preocupa é que a funcionária que encerou suas atividades continua ativa com a atual funcionária, e não consigo pagar a guia.
    Me ajudem o que fazer
    Att
    Vivian

    1. Post
      Author
  119. Elis Fernanda

    Boa tarde, estava lendo os comentários e não achei nenhum com a mesma duvida que tenho. Estou fazendo o calculo de uma rescisão onde o Aviso foi trabalhado, mas a empregada tem 2 anos completos de serviço prestado ao mesmo empregador, o que dá a ela direito a mais 06 dias de aviso indenizado , no e social eu coloco a opção AVISO TRABALHADO, e colocando a data de inicio do aviso e a data do efetivo desligamento, mas ao processar os cálculos não aparecem os 6 dias da projeção do Aviso. Tentei lançar diretamente em vencimentos, o qual eu consigo colocar somente os dias de projeção do aviso, mas não habilita para lançar o valor. Neste caso, qual seria o procedimento?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Elis, tudo bem?
      Este valor deve ser lançado no campo “outros valores”, pois como aviso dela é trabalho, o campo de aviso prévio indenizado encontra-se desabilitado.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  120. Pedro Valente

    Boa tarde, para a minha ex empregada domestica poder fazer o saque do FGTS, na Caixa Economica Federal disseram que para eles gerarem a chave manualmente era preciso fazer uma declaração.
    Tem algum modelo em que me possa basear para fazer a tal declaração?
    Obrigado
    Pedro Valente

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Pedro, tudo bem?
      Não há necessidade de nenhum tipo de declaração para esta chave manual ser gerada.
      O que ocorre, é que quando o funcionário da agência gera esta chave manual, ele está assumindo responsabilidade sobre os cálculos rescisórios gerados, qualquer erro recairá sobre ele, por este motivo ele não quer realizar o procedimento e está pedindo esta declaração.
      Peça para que ela troque de agência para realizar o saque.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  121. Antonio Carlos

    Boa Tarde,

    Qual o procedimento do empregado doméstico para saque do FGTS, a caixa informou que temos que fazer a liberação do mesmo no e-social, mais não encontrei no site onde fazer o procedimento.

    Alguém pode me ajudar?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Antonio Carlos, tudo bem?
      A geração da chave para saque do FGTS é feito pelo funcionário da CEF no momento do saque de forma manual.
      O empregador pessoa física não tem como gerar a chave e esta opção não está disponível no eSocial.
      Nós sugerimos que a sua ex-funcionária tente realizar o saque em uma outra agência.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  122. Fabiana

    Minha funcionaria foi demitida em julho, todos os encargos pagos, guias geradas, seguro desemprego ok e saque FGTS também. Mas no social, o desligamento continua com o status: em andamento. Quando tento concluir dá erro (diz que preciso excluir todos os pagamentos). não consigo resolver este problema. Help!!! Não moro mais no Brasil e não consigo resolver esta pendência…

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Bom dia Fabiana, tudo bem?
      Se o desligamento está com este status de “em andamento”, será necessário revisar o que foi feito, pois se você gerou todas as guias e a funcionária já realizou o saque do FGTS, isto só pode ter ocorrido por algum erro no momento do desligamento.
      Nós podemos oferecer nossa ajuda profissional para tentar te ajudar com esta questão.
      Caso tenha interesse nos envie um e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776 com as informações abaixo:
      CPF:
      Código de Acesso:
      Senha:
      Desta forma podemos avaliar o que está acontecendo, se é possível ajudar.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  123. Gisele

    Olá Gostaria de uma ajuda , e já não sei mais oque fazer, eu preciso fazer um desligamento de uma doméstica no e-Social , só que quando finalizar a demissão ela está como afastada , e o motivo está nas férias, mais ela tiro essas férias em 15/12/2015 e o término 13/01/2016 , então ela já voltou faz tempo, acontece quenão consigo nem excluir essas férias , nem fazer demissão por conta disso , como devo fazer?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Gisele, tudo bem?
      O evento de férias passou por modificação no eSocial e antes era preciso registrar a saída e também o retorno das férias. Este registro foi modificado, e esta opção não está mais disponível, para que você possa resolver este erro, você deve excluir este lançamento de férias e fazer o lançamento novamente com a mesma data e duração.
      Após a correção do lançamento das férias você conseguirá fazer o desligamento da sua funcionária.
      Caso você encontre dificuldades novamente e queira contar com ajuda profissional para realizar o desligamento da sua funcionária, nos colocamos a disposição. Basta nos enviar um e-mail solicitando ajuda para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    2. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Gisele, tudo bem?
      O evento de férias passou por modificação no eSocial e antes era preciso registrar a saída e também o retorno das férias. Este registro foi modificado, e esta opção não está mais disponível, para que você possa resolver este erro, você deve excluir este lançamento de férias e fazer o lançamento novamente com a mesma data e duração.
      Após a correção do lançamento das férias você conseguirá fazer o desligamento da sua funcionária.
      Caso você encontre dificuldades novamente e queira contar com ajuda profissional para realizar o desligamento da sua funcionária, nos colocamos a disposição. Basta nos enviar um e-mail solicitando ajuda para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  124. Iracema

    Preciso saber qual o ítem que devo considerar para desligamento por aposentadoria. Não há
    esta opção. Seria término de contrato?

    grata

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Iracema, tudo bem?
      Neste caso, pode-se fazer a rescisão:

      sem justa causa por iniciativa do empregador: Com esta opção ela terá direito a sacar o FGTS. Tipo de aviso: Indenizado ou trabalho;
      ou

      Rescisão do contrato de trabalho por iniciativa do empregado: Com esta opção ela perde direito ao saque do FGTS e indenização por tempo trabalhado com o mesmo empregador.

      Espero ter ajudado!

      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  125. Maria J Pires

    Estou tentando colocar as próximas férias de 02 empregadas e o sistema informa que elas estão afastadas.
    Ano passado as férias delas foram em outubro (mês que começou o e-social e coloquei no registro) e a outra em novembro.

    As duas constam como afastadas e não sei como resolver. Imagino que tenha a ver com a informação das férias. Desde a criação do e-social, várias coisas mudaram….

    Agora preciso novamente informar as férias delas e aparece a mensagem que não se pode informar férias em afastamento.

    Como proceder?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Maria, tudo bem?
      Como você cadastrou as férias das suas funcionárias em um período em que era necessário avisar a saída e o retorno das férias e esta opção de retorno não está mais disponível, você deve anotar a informação deste período concedido e excluir para lança-los novamente. Só então, você conseguirá lançar as próximas férias das funcionárias.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  126. Fabiana Ferreira

    Olaa tudo bem? Não sei se posso fazer essa pergunta aqui mais se poder me ajuda agradeço muito
    Hoje fiz um erro mi cadastrei como empregador no eSocial sem saber, fiz o procedimento de primeiro acesso digitei meu cpf senha e me gerolu um código de acesso quando entrou apareceu que agora eu era empregador, mas sou empregada doméstica só queria ver minha rescisão pois não me foi dado nenhum papel de fgts e nem do seguro desemprego só foi dada baixa na carteira. Bom eu queria saber como faço pra excluir esse cadastro do esocial pois já procurei e não achei tô preocupada se isso pode mi trazer algum problema quando for contratada em um novo emprego?Agradeço se poder mi ajuda

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Fabiana, tudo bem?
      Não conheço nenhum procedimento na internet para cancelar o seu cadastro de empregador. A Receita Federal tem um posto do eSocial e acredito que eles consigam fazer o cancelamento do seu cadastro em uma agência da Receita.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  127. Roni

    Boa Tarde, O salário de doméstica teve reajuste em 1 de Abril/2016, fiz o pagamento certo a partir de maio, mas esqueci de alterar o valor no esocial, então reabri a folha de maio e fui alterar incluindo a diferença de remuneração mensal, salvei o rascunho, mas no momento que tento
    concluir o pagamento, o site me mostra a mensagem “A folha de pagamento já foi fechada, para alterá-la será necessário reabri-la.”. Não entendo
    o que está acontecendo porque já reabri a mesma.

    No aguardo agradeço desde já,

    Roni

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Roni, tudo bem?
      Você deve observar a data que está utilizando no campo “data de pagamento ao trabalhador”, a data neste campo, deve ser o último dia do mês da competência. Também deve observar as demais competências para verificar esta data, caso tenha usado uma outra data que não seja a do último dia da competência, você pode ter este tipo de problema quando reabre a folha da competência e tenta fechá-la novamente.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  128. laiane mariele

    bom dia!
    preciso lancar desligamento da minha funcionaria e quero que o aviso seja trabalhado, como posso fazer essa movimentação,
    se quando eu lanco no sistema, fala que so pode no maximo 10 dias antes.
    Como vou provar que lancei o aviso? ou eu apenas coloco o dia que terminara o cumprimento do aviso,
    e isso ja se entende que foi retroativo e trabalhado.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Laiane, tudo bem?
      Isso significa que se o último dia trabalhado for 10/10/2016, o desligamento só poderá ser lançado no eSocial à partir de 01/10/2016.
      Observe a data que será o último dia trabalhado do aviso e considere 10 dias antes para lançamento do desligamento no eSocial.
      Atenciosmente,
      Equipe Lalabee

  129. Estevão

    Tenho 2 dúvidas …. minha mãe (empregadora) faleceu tenho que recindir o contrato da empregada! tenho que pagar o aviso prévio?
    segunda duvida ….. no esocial aparece a data de admissão 01/10/2015 (provavelmente quando ela foi cadastrada) mas na carteira de trabalho consta uma data de 25/08/2014, mas a carteira de trabalho não esta assinada e tambem não tenho certeza por quem foi preenchido. Como devo proceder pago somente o que esta registrado no esocial? pois acredito que o registro da empregada só se deu para não haver problemas trabalhistas no passado por conta dos direito trabalhistas.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Estevão, tudo bem?
      Respondendo as suas dúvidas:
      1) quanto a rescisão do contrato:
      – Você pode rescindir o contrato e todos os direitos devem ser pagos equivalentes à rescisão sem justa causa, inclusive o aviso prévio;
      – Caso você não queira romper o contrato com a empregada, você pode fazer a sucessão trabalhista onde você passa a utilizar o serviço da funcionária e passará a ser seu novo empregador.

      2) Vale a informação que está na carteira de trabalho, ou seja, a data de admissão que está cadastrada no eSocial deve ser alterada para a mesma data que consta na carteira.
      Você deve também verificar se há alguma pendência de recolhimento de impostos para que não tenha também nenhum problema de ordem trabalhista.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  130. Rosangela Reis

    Boa tarde, fiz o desligamento de minha funcionária, com cumprimento do aviso prévio. No momento de gerar a guia de arrecadação sairam os codigos 1718 e 1251. Quitei no primeiro dia imediato ao ultimo dia trabalhado. Acontece que após alguns dias ao cadastrar minha nova funcionária no esocial, verifiquei que tinha uma anotação em agosto escrito “pendente” (se não me falha a memória). Então ao clicar naquele mes verifiquei que havia uma nova guia a emitir, esta contendo os codigos 1082, 1138 e 1646, inlcuisve constando multa por atraso. Ocorre que notei que os itens 1138 e 1718 possuiam os mesmos valores. Minha pergunta: Tenho que pagar mesmo os dois valores iguais? Porque não saiu tudo junto o que me onerou com o pagamento de multas?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Rosangela, tudo bem?
      Você consegue anexar estas guias que se refere para que eu possa entender e te passar uma resposta?
      Aguardo seu retorno.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    2. Flávio

      Boa tarde!

      Com relação ao questionamento da Rosângela, aconteceu também comigo já possuem alguma explicação.

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Flávio, tudo bem?
        Quando se faz o desligamento de um funcionário, na aba de “desligamento” a guia gerada é referente ao recolhimento de FGTS (rescisório) apenas, o INSS será recolhido na guia gerada no mês da competência da rescisão. No caso da Rosangela, ela deve ter incorrido em juros e multa devido ao atraso em pagar a guia da competência mencionada.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

  131. Daniela F de Frias

    Olá boa tarde! Fiz a rescisão da minha unica empregada doméstica em 11/07/2016, está tudo ok , já fiz todos os recolhimentos e inclusive ela já recebeu FGTS e seguro desemprego. Ocorre que, no sistema aparece nos meses posteriores a sua demissão a competência de agosto e setembro “sem informação”. Isso está correto ? Posso excluir o cadastro dela e me excluir também do e-social ?

    1. Post
      Author
      Equipe

      Boa tarde Daniela, tudo bem?
      Sim, está correto, e significa que não informações de recolhimentos de impostos.
      Não há necessidade de excluir o cadastrado da funcionária, pois se você verificar o status dela consta como “desligado”.
      Também não há necessida de excluir o seu cadastro, e nem sei se é possível, pois como você não tem funcionário ativo, não está gerando recolhimento de tributos.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    2. haylla

      Ola, ao ler seu comentario eu li que sua empregada conseguiu receber o seguro desemprego, gostaria de saber quais papeis ela apresentou? obg

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Bom dia Haylla, tudo bem?
        Para dar entrada no seguro desemprego, normalmente é necessário o termo de rescisão e quitação emitido pelo eSocial, CTPS, documento com foto e 15 contribuições do INSS e FGTS.
        Apesar de estar escrito a obrigatoriedade de 15 contribuições do FGTS, o seguro desemprego está sendo concedido devido à obrigatoriedade ao pagamento do FGTS ter iniciado em 01/10/2015, o que não incide em 15 contribuições.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Julia, tudo bem?
        Você deve clicar em “excluir” em Gestão de Trabalhadores.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

  132. Juliane S Sales

    Bom dia!
    Minha colaboradora foi contratada no dia 01/03/2015. A adesão ao esocial foi realizada em outubro/2015. O aviso foi dado conforme a Lei e o mesmo foi integralmente trabalhado por ela. Fiz o desligamento dela no esocial no dia 31/08/2016. Realizei o pagamento das todas verbas rescisórias gerados pelo sistema no dia 01/09/2016, inclusive da DAE Rescisória. Gostaria de saber se a DAE Rescisória já constava o valor dos cálculos da multa dos 40% de FGTS ou se há a necessidade de recolher em separado? Se em separado, como proceder esse cálculo e como pagamento do mesmo?

    1. Post
      Author
  133. Alessandra

    Boa tarde, fiz a rescisão da minha empregada em 31/07/2016 e o aviso prévio foi indenizado. Fiz todas as ações possíveis no e-social, imprimi o termo de rescisão, o DAE, fiz os pagamentos necessários e consta que a empregada está desligada inclusive apontando a data. no entanto, no banco alegam que não aparece para eles o desligamento, já me mandaram um folheto explicativo que é exatamente o que fiz, mas continuam insistindo que não aparece o desligamento dela, o que pode estar acontecendo? Obrigada.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Alessandra, tudo bem?
      Não tivemos relatos de casos como o seu antes, mas vale a pena verificar os passos novamente quanto ao desligamento no eSocial:
      – certifique-se que os cálculos da rescisão estão corretos;
      – que a guia do FGTS rescisório foi gerada e paga na data de vencimento;
      – que os termos de rescisão e quitação foram gerados em 04 vias, onde 03 vias são para a empregada;
      Se você precisar de ajuda profissional para resolver esta questão, por favor nos envie um e-mail para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  134. Edilson Pereira

    Estou com o seguinte problema. Minha empregada teve um sério problema de saúde resultando em seu afastamento de trabalho. O fato ocorreu há cerca de 2 meses, o qual inseri a data do seu afastamento no esocial e fechei a folha de acordo com a orientação do manual. Já ocorreu inclusive, comunicado e consequente perícia do INSS, o qual declarou a sua aposentação. Minha dúvida é: Tendo ocorrido a aposentação, como efetuar o seu desligamento? Quais encargos devo suportar nessas condições?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Edilson, tudo bem?
      Ela foi aposentada por invalidez?
      Aguardo seu retorno.
      Equipe Lalabee

  135. Thiago

    Boa tarde Equipe Lalabee!
    Primeiramente, parabéns pelo trabalho!
    Concedi férias para minha empregada doméstica no mês de Julho. Para isso, dentro do site Esocial, acessei a guia “Férias” e preenchi a programação de férias dos dias devidos. No final do mês, como de costume gerei as guias, porém o valor de 1/3 de férias não foi adicionado ao salário, dessa forma o recibo ficou como se fosse um mês “normal” sem os valores devidos de férias. Somente agora, notei que eu deveria ter adicionado os demais vencimentos (no caso 1/3 de férias) logo antes de emitir a guia para que o valor do recibo contemple 1/3 de férias. O problema é que essa folha já foi fechada e para altera-la eu devo reabrir a folha de Julho.
    Pergunta: Eu realmente preciso reabrir a folha de Julho e editar uma guia que já foi paga (imagino que isso dará um grande trabalho e temo que possa gerar algum problema posterior) ou também posso negociar com a doméstica para somente excluir as férias já programadas anteriormente e lança-las futuramente?
    Qual a melhor forma de resolver esse problema?
    Desde já agradeço.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Thiago, tudo bem?
      Existem duas formas de resolver este problema:
      – o correto;
      – e o pratico… rsrs;

      – o correto, seria reabrir a folha da competência em que as férias foram geradas e excluir a remuneração salarial, para que desta forma a informação do recolhimento das férias fossem demonstrados automaticamente na guia;
      – o prático, é a sua segunda opção, onde você exclui o evento das férias que foram programadas e as lança para uma competência futura, para que possa realizar os recolhimentos de FGTS e INSS sobre este valor.
      O mais fácil e menos trabalhoso é a segunda opção, pois na 1a opção envolverá um conhecimento mais avançado do sistema do eSocial para que possa editar a guia e também envolve cálculo.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  136. LUCIANE

    BOM DIA EQUIPE LALABEE,

    ESTOU PRECISANDO TE UMA AJUDA TEM UMA FUNCIONÁRIA QUE A DATA DE ADMISSÃO FICOU ERRADO NO E-SOCIAL.
    JÁ EXCLUIR TODAS AS REMUNERAÇÃO MAS QUANDO VOU GESTÃO DE TRABALHADORES PARA SOLICITAR A EXCLUSÃO
    ME APARECE ESTA MENSAGEM:Não é possível excluir o contrato de trabalho, pois foram enviadas remunerações do trabalhador nas folhas de pagamentos. Primeiramente exclua todas as remunerações do trabalhado. COMO FAÇO?

    1. Post
      Author
  137. Priscila

    Boa Noite!

    Solicito informação para seguinte situação: Foi feito o cadastro do empregado com a data de admissão errada era 02/01/2013 e colocaram 10/05/2011. Tentamos fazer a alteração mas o sistema não permite, pede para excluir o empregado e cadastrar novamente, também não conseguimos excluir informa que(não é possível excluir o contrato de trabalho, pois foram enviadas remunerações do trabalhador nas folhas de pagamentos, primeiramente exclua todas as remunerações do trabalhador). Fomos para a exclusão das remunerações, reabrimos a folha mas não permitiu excluir( informa que é necessário reabrir a folha.), mas já estamos nesse campo. Precisamos fazer alteração nessa data, pois o empregado sera demitido. Poderia me informar como devemos proceder? E fazendo essa exclusão e depois incluindo não vai dar duplicidade de informações já que as guias já foram pagas?

    Obs: Nesse cadastro existe dois funcionários, mas só consta o problema em um.

    Agradeço desde já.

    Priscila

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Priscila, tudo bem?
      Você pode seguir as orientações que são dadas pelo próprio sistema do eSocial. Não existe uma conciliação entre guias geradas e guias pagas, por isso o sistema possibilita a reabertura das guias.
      Caso você ainda esteja com este problema e queira ajuda profissional para resolvê-lo, por favor entre em contato através do e-mail rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  138. Karla Kamila

    Tenho uma doméstica que foi dispensada antes do sistema fazer rescisão, e conforme eles me orientaram, deveria lançar os valores no mês e continuar fazendo a folha da doméstica, porém com o salário dela zerado, e agora o sistema já aceita a rescisão, como devo proceder? Desligamento em 12/2015.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Karla, tudo bem?
      Você deve proceder com desligamento de maneira normal, mas antes terá que reabrir todas as guias posteriores a dezembro inclusive a de dezembro para realizar o referido desligamento.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Maria Cristina Teixeira Oliveira

        Boa tarde!
        Minha dúvida é essa também, e estou tentando reabrir as guias para realizar o desligamento. O problema é que para canceklar as guias o imposto esta sendo gerado. Como devbo fazer?

        1. Post
          Author
      2. Karla Kamila

        Bom dia,

        Fiz a reabertura de todas as competências posteriores a Dezembro 2015 e inclusive a de Dezembro 2015, porém não consigo finalizar a rescisão, aparece a seguinte nota : “Foi identificado que já existe remuneração para este contrato de trabalho na competência referente à data de desligamento informada (17/12/2015). Caso deseje continuar com essa rescisão, é necessário, primeiramente, encerrar a folha correspondente. (Clique aqui para abrir a Folha de Pagamento)” Ai eu excluo os valores (também já tentei zerando) e encerro a folha e tento novamente fazer a rescisão, e quando tento finalizar diz que devo reabrir a folha, pois existe valores .. O que faço?

  139. MARINA

    Prezados, se o colaborador começou a trabalhar 02/02/2016 e o desligamento foi 01/08/2016, e mesmo terá 33 dias de avisa prévio. Quando o aviso prévio é trabalhado, o colaborador deve trabalhar só 30 dias e o restante deve ser indenizado corrto?
    Pois dessa forma, o ultimo dia trabalhado é dia 31/08/2016 e o colaborador deve receber os 3 dias de aviso indenizado, porém eu não consigo incluir o valor dos 3 dias, pois a aba do aviso prévio indenizado fica inabilidade, pois informei lá em cima que o aviso foi trabalhado.

    Como eu faço? Eu lanço 33 dias de salário, e somo os 3 dias do aviso ao salário ou eu informo a data do ultimo dia de trabaho no dia 03/09/2016 e coloco no salário só os 3 dias?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Marina, tudo bem?
      Neste caso, se as datas estiverem corretas, ela não tem direito aos 3 dias pois não tem 1 ano com o mesmo empregador.
      Se ela estivesse a mais de 1 ano com o mesmo empregador ela teria direito aos 3 dias de aviso indenizado e este 03 dias você deve lançar no campo “outros adicionais”.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Carlos, tudo bem?
      Se ela for registrada através de empregador doméstico pessoa física, ela não tem direito. Só tem direito a receber o Pis/Pasep o trabalhador registrado através de empregador pessoa jurídica.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  140. Cristina

    Estou com a seguinte situação no Esocial doméstico: Dia 30/04/2016 demiti uma funcionária, no entanto, o DAE mensal do referido mês (abril) foi pago como se a funcionária não tivesse sido demitida (estava ativa). Desta forma, para demiti-la, tive que reabrir a folha de abril/16 para poder efetuar a rescisão. O motivo da rescisão é o 07 – Rescisão do contrato de trabalho por iniciativa do empregado. Os recolhimentos devidos nesta rescisão, inclusive do FGTS, são incluídos no DAE da folha de pagamento mensal. No entanto, conforme já mencionado, o DAE mensal já havia sido pago com a funcionária ativa. E não consigo gerar o DAE mensal com os recolhimentos rescisórios. Eu reabri a folha, fiz a rescisão, no entanto, agora para fazer o DAE rescisório preciso “Encerrar Pagamentos”, mas o sistema emite a seguinte mensagem: “Para prosseguir com o encerramento, todas as competências vinculadas às datas de pagamentos informadas nas remunerações dos trabalhadores devem estar abertas. Verifique!” Ou seja, pede para reabrir a folha, não aparece o botão “reabrir folha”. Uma dor de cabeça isso! Alguma sugestão para solucionar o caso?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Cristina, tudo bem?
      Para reabrir a folha você deve ir para “Folha/Recebimentos e Pagamentos”. Após reabrir a folha neste local deve retornar a aba de desligamento.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  141. Priscila Silva

    Boa tarde!
    Meu problema:

    O trabalhador doméstico foi demitido em 29/06/2016, o desligamento foi efetuado no e-social, todos os pagamentos efetuados, inclusive, o DAE – Guia Rescisória, contudo ao se dirigir à Caixa para sacar o FGTS informam ao trabalhador que o valor para entrou como contribuição normal.

    No e-social, já verifiquei passo a passo, e não identifico qualquer inconsistência.

    PS. = primeiro o funcionário da CAIXA, informou que seria a “chave”, contudo após o informar sobre a informação disponibilizada pelo e-social, disseram que faltava o pagamento do DAE rescisório, mesmo sendo apresentado ao mesmo a cópia da guia e recibo de pagamento.

    Onde deve verificar e pedir a correção? O e-mail do suporte não funciona, fica voltando o tempo todo e no 154 ninguém atende? O empregado deve ir até outra agência da CAIXA ?

    Como saber se está tudo OK e é falta de boa vontade do funcionário da CAIXA?

    Obrigada.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Priscila, tudo bem?
      Para saber se fez o pagamento da guia correta, no campo “Observações” deve constar ” GUIA RESCISÓRIA”.
      Nós prestamos serviço de rescisão em nosso escritório, se for do seu interesse, nos envie os seus dados do eSocial, para que eu possa avaliar o que foi feito no desligamento.
      A chave para saque, deve realmente ser gerada na agência da Caixa Econômica de forma manual.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  142. Elaine Ribeiro

    Bom dia!!

    Preciso fazer a alteração na data de admissão de um funcionário, porém antes de verificar a outra funcionária fez o desligamento desse funcionário.
    No campo a baixo que aparece os campos admissão e demissão tem um informativo falando que só é possível excluir ou retificar o evento mais recente e para alterar os anteriores é necessário excluir os posteriores.
    Se eu excluir essa demissão, consigo alterar a data de admissão, que na hora do cadastro foi feito errado?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Elaine, tudo bem?
      Se eu entendi corretamente, o funcionário que você precisa fazer a correção da data de admissão, já foi realizado o desligamento. Para tal, será necessário excluir o desligamento, pois só é possível alterar esta data, se este for o evento mais atual da lista de movimentações trabalhistas.
      Para alterar a data de admissão, exclua o desligamento primeiro, altere a data de admissão em movimentações trabalhistas e faça o desligamento novamente. Todas as guias do desligamento devem ser geradas novamente.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  143. Alexandra Ribeiro

    Bom dia , fiz a demissão de uma doméstica mais a Caixa esta exigindo o campo código sindical e cnpj da entidade sindical
    pois sai em branco esse espaço no e-social , também esta exigindo que saia o nome da empregadora na rescisão , alegando eles que não pode colocar a caneta por escrito .
    eles também estão exigindo a chave de conectividade , mais doméstica não dá entrada manual direto lá na Caixa ?
    eles querem me deixar louca , alguém pode me ajudar
    obrigado ..

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Alexandra, tudo bem?
      Esta informação sindical não é possível informar, pois a categoria de domésticos ainda não sindicato reconhecido e a homologação dos mesmos após 1 ano não é obrigatória, por este motivo estes campos saem em branco.
      Quanto ao campo do empregador, este deve obrigatoriamente sair preenchido pelo eSocial, verifique o termo de rescisão no desligamento no eSocial para ver se este campo encontra-se preenchido, para ver se não está tendo algum problema no momento de impressão do documento.
      Em relação à chave para o saque do FGTS, essa deve ser gerada de forma manual na agência da Caixa no momento do saque. Caso a funcionária esteja tendo dificuldade, ela deve procurar uma outra agência da Caixa para tentar sacar o seu benefício.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  144. Fernanda

    Boa tarde.
    Não estou conseguindo gerar a chave de liberação do FGTS, como é feito esta liberação?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Fernanda, tudo bem?
      A chave para saque do FGTS só é gerada pelo empregador quando o mesmo possui um número CEI. Caso você não tenha este número, a chave será gerada de forma manual no momento em que a sua ex-funcionária for a uma agência da Caixa Econômica para realizar o saque.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  145. Jussara Santos

    Boa tarde. Minha empregada se aposentou em 30.05.16 e pediu demissão em 01.06.16 e não quis cumprir aviso prévio. Em 02.06.16 paguei aela as verbas rescisórias, mas somente agora, em agosto de 2016, estou fazendo o desligamento dela do esocial. Zerei as remunerações das folhas de junho e julho de 2016. Porém, ao fazer o desligamento aparece a seguinte mensagem:
    Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”).
    Não sei mais o que fazer…me ajudem, por favor!

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Jussara, tudo bem?
      Você deve seguir o procedimento sugerido pelo eSocial. Para que você possa tirar a sua funcionária de maneira apropriada da folha de pagamento, você deve realizar o desligamento dela.
      Para realizar o desligamento da funcionária, você deve clicar na aba “trabalhador”, “desligamento” e preencher corretamente os campos do desligamento para encerrar o contrato trabalhista dela. Desta forma, com o desligamento concluído ela não vai mais aparecer nos próximos fechamentos de folha.
      Basta seguir as orientações passadas na mensagem do eSocial com atenção para finalizar o processo. Caso você já tenha encerrado a folha, você deve reabri-la para fazer o desligamento.
      Atencisamente,
      Equipe Lalabee

      1. Josy

        Boa tarde,não estou conseguindo excluir a competência,para fazer o desligamento quando excluo a remuneração e clico para excluir a competencia o valor do salario volta,como se excluísse só alteração que fiz,não sei mais o que fazer é horrível sem suporte.

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Josy, tudo bem?
          Você deve clicar na competência e no final da linha tem um campo “ação” clicar em “excluir”, se a situação estiver ” em edição” ou “pendente” , independente do valor do salário aparecer, você pode ir para a aba de desligamento.
          Atenciosamente,

          1. Barbara Monteiro

            Olá, estou há mais de um mês tentando desligar uma empregada do esocial.

            Já reabri as folhas e essa mensagem continua aparecendo… já não sei mais o que fazer.

            Alguém poderia me ajudar?

          2. Post
            Author
          3. breno tenorio

            A situação fica como “Reaberta – Aguardando encerramento” e com isso impede o desligamento.

            Existe algum erro, porque a competência de maio( no meu caso), fica como reaberta, após excluir salário nas ações.

    2. Candida Vasconcellos

      Jussara, conseguiu resolver seu problema ?? Estou na mesma situação gostaria de saber como vc fez.

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Candida, tudo bem?
        Você já conseguiu resolver o seu problema?
        Aguardo seu retorno.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

    3. Graziella

      Boa tarde. Minha empregada se desligou em 31.07.16 e pediu demissão em 01.07.16 e cumpriu aviso prévio. Zerei as remunerações das folhas de junho e julho de 2016. Porém, ao fazer o desligamento aparece a seguinte mensagem:
      Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”).
      Não sei mais o que fazer…me ajudem, por favor!

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Bom dia Graziella, tudo bem?
        Você seguiu as intruções passadas e mesmo assim não conseguiu gerar o desligamento?
        Caso você tenha salvo o rascunho do desligamento, limpe este rascunho, vá para a folha e reabra a folha seguindo o procedimento passado na mensagem de erro exatamente como foi instruido. Retorne a aba de desligamento e inicie o procedimento desde o início.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

      2. Ana

        Eu também estou com o mesmo problema desde maio/2016. Ao tentar fazer o desligamento de uma empregada doméstica aparece essa mesma mensagem:
        “Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”).”
        Já tentei de tudo. Inclusive zerar a remuneração de outra empregada doméstica no mês de desligamento da outra.
        Desisti…

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Ana, tudo bem?
          Não existe um passo a passo para você seguir que eu possa te passar.
          Aqui em nosso escritório nós realizamos este serviço de rescisão, devido a complexidade do eSocial, cobramos por este serviço, mas sempre avaliamos a possibilidade da conclusão do desligamento antes de cobrar o serviço do cliente.
          Caso você tenha interesse, por favor nos envie os seus dados para rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776 do eSocial para fazermos esta avaliação e verificarmos se é possível concluir o seu desligamento.
          Dados que vamos precisar:
          CPF:
          Código de Acesso:
          Senha:
          Aguardamos o seu retorno.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

      3. Jose Luiz Fonts

        Prezado, tive o mesmo problema e a única forma de resolve-lo foi alterando a data de pagamento da rescisão ao empregado para um período futuro. Sofri 2 dias tentando eliminar a folha de pagamento do mês corrente, mas não há opção. O problema é que estou agora com duas guias de recisão a serem pagas. Não sei se trará algum impacto. Att, Jose Luiz

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde José, tudo bem?
          Para poder te ajudar, preciso saber a qual problema você está se referindo.
          Aguardo seu retorno.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

          1. Post
            Author
            Jose Luiz Fonts

            Fiz o desligamento da empregada doméstica e gerei um Documento de Recolhimento no valor de R$ 264,16 e já paguei.

            A empregada doméstica foi a Caixa Economica e verificou que a data de início do contrato de trabalho estava errada. Cancelei o desligamento dela no sistema E-Social, fiz uma retificação no contrato de trabalho da empregada para correção da data de inicio do contrato de trabalho e registrei um novo desligamento, que gerou un novo Documento de Recolhimento no valor de R$ 321,30.

            Como já paguei R$ 264,16, o sistema deveria gerar um Documento de Recolhimento de apenas R$ 57,14, mas o sistema E-Social não permite o ajuste da Guia.

            Dúvida 1: Qual o procedimento a ser realizado para que eu possa pagar apenas a diferença?

            Dúvida 2: A Caixa Economica está exigindo a geração de uma “Chave”, que não existe no sistema E-Social. Como gero esta “Chave”?

            Aguardo com urgência um retorno para que a empregada não perca os prazos de recebimento do FGTS e do salário desemprego.

            Atenciosamente,

            José

          2. Post
            Author
            Equipe Lalabee

            Boa tarde José, tudo bem?
            Como você já fez esse procedimento e como o eSocial não permite a edicão desta guia, você terá que fazer o pagamento desta segunda guia.
            Você até pode solicitar o reembolso do INSS e do FGTS que pagou de forma indevida da primeira guia, mas para conseguir o reembolso do FGTS a sua funcionária terá que esperar um período de 30 dias para sacar o FGTS. O INSS você terá que esperar um prazo de até 5 anos para receber o reembolso, e deve dar entrada no pedido na Receita Federal e o FGTS o pedido deve ser feito em uma agência da CEF e leva os 30 dias para receber o reembolso.
            A chave deve ser gerada de forma manual pela CEF no momento do saque do FGTS,o eSocial não gera esta chave. Caso ela esteja com dificuldade para sacar o FGTS, peça para ela procurar uma outra agência da CEF.
            Atenciosamente,
            Equipe Lalabee

          3. Post
            Author
            Jose

            Desculpe, mas demiti minha empregada porque estou sem dinheiro. Estou tentando fazer o processo da melhor forma possível, não posso afundar R$ 260 em algo para receber a futuro, sem juros e sem correção. O erro foi provocado por limitações do sistema, quando na época registrei a empregada, havia bugs (falhas) no sistema que não permitiam a entrada de datas anteriores.

            A Caixa Economica não tem condições de gerar uma Guia de Pagamento manual com a diferença?

            Atenciosamente,

            José

          4. Post
            Author
            Equipe Lalabee

            Oi José,
            A CEF não cuida desta parte, o que você pode tentar fazer é ir a uma agência da Receita Federal para ver o que eles podem fazer para resolver a sua situação.
            Na agência da Receita tem um posto de atendimento avançado do eSocial.
            Atenciosamente,
            Equipe Lalabee

    4. Clarisse Boschini

      Jussara, estou nesta mesma situação. Já zerei a última remuneração, já deixei a folha como encerrada ou como pendente, que são as duas situações que, segundo o manual, é permitido realizar o desligamento. Se deixo a última folha como pendente e com o salário igual a zero, a mensagem diz que devo verificar se o empregado continua ativo; se encerro a folha (também com salário zerado), o sistema apresenta a mesma mensagem de que não deve haver informações de remuneração mensal.
      Se conseguiu resolver a sua rescisão, por favor, me diga como!

      1. Post
        Author
  146. Ingrid Lorena de Bessas Ribeiro

    Bom dia,

    Fiz uma rescisão com o último dia 31/07/2016, e não consigo tirar o DAE, como faço, esta vencendo hoje?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Ingrid, tudo bem?
      O eSocial gera alguns erros sem explicação. Você tem algumas opções: trocar a data de desligamento para 30/07/2016 ou limpar o rascunho do desligamento e começar do zero com a data de desligamento inicial de 31/07/2016.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  147. Miriam

    Boa noite.

    A babá pediu desligamento após 56 dias de trabalho, sem aviso prévio (desligamento de razão 7). Consegui realizar o desligamento, mas agora tenho dúvidas quanto a emissão da Guia de Arrecadação. Normalmente, a Guia apresenta os seguintes códigos: 1082, 1138, 1646, 1251 e 1718. Devo editar a Guia e não pagar algum desses valores? Ou todos eles devem ser pagos? Minha dúvida maior recai sobre os valores de códigos 1251 e 1718.

    Muito obrigada.

    1. Post
      Author
      equipe Lalabee

      Bom dia Miriam, tudo bem?
      Todos os valores geradas na guia são obrigatórios e não devem ser excluídos da mesma.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  148. Mayara

    Perdão, o motivo do afastamento da empregada foi o pedido dela. não sob os art. da CLT citados anteriormente. Entendi que nesse caso como não há pagamento de multa rescisória tudo será pago na guia DAE do ultimo mês trabalhado, confere?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Mayara, tudo bem?
      Como ela pediu demissão, não tem direito ao saque do FGTS, mas você deve gerar a guia onde recolhe os tributos sobre o valor da rescisão.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  149. Odilar

    Iniciei a recolher o Fgts da minha empregada doméstica em outubro / 2015 através do e-Social. Quando realizei o cadastro no e-Social, por engano cadastrei a data de admissão errada. Em 29/07/2016 ela foi demitida, porém agora ela não consegue sacar o FGTS na Caixa pois diz que as datas estão divergentes. Como proceder para fazer a correção no e-Social? Outro detalhe, a CT antiga quando ela foi admitida ela perdeu e emitiu uma carteira nova, lancei novamente os dados de admissão, é correto?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Odilar, tudo bem?
      Para a carteira de trabalho que ela perdeu, acredito que ela deve fazer um boletim de ocorrência. Quanto ao registro na nova Carteira de trabalho seria interessante, caso você tenha o número da carteira anterior, colocar uma observação em anotações gerais da nova carteira.
      Para retificar a data de admissão dela, como a rescisão já foi processada, você deve gerar uma RDT. Para tal você deve solicitar que a sua funcionária vá até a Caixa Econômica para solicitar um extrato do FGTS para que você possa obter as informações da conta dela para preencher esta RDT. Após preencher o documento, você entregar em uma agência da Caixa com cópia da CTPS, termo de rescisão, termo de quitação e documento com foto.
      Este documento você pode solicitar em uma agência da Caixa ou fazer download do site da Caixa.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  150. Paula

    olá, equipe do Lalabee,

    Fiz o desligamento de minha funcionária em 27/07/16 e consegui gerar o TQRCT e a guia DAE rescisória tudo certinho.
    Mas hoje, 01/08/16, data para emissão do DAE mensal referente a julho/16, ao abrir a folha de pagamento, consta , para julho/16, a mensagem “sem informação”. O que significa isso? O sistema está com erro ou foi problema devido à rescisão?
    Já mandei email pro suporte do Esocial, mas não sei o quanto vai demorar a resposta.
    Por favor me ajudem, senão a trabalhadora não tera como sacar os depósitos de FGTS (antes que eu faça esse pagamento de julho, o que falta)
    grata
    Paula

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Paula, tudo bem?
      Me parece que isso está acontecendo devido alguma data que você colocou no desligamento. Faça uma revisão das datas e se necessário troque as datas para ver se altera a informação da folha de julho para que você consiga fazer o recolhimento dos tributos de INSS sobre o valor da rescisão.
      Atenciosamente,

  151. Luis Alcino

    Bom dia,
    Fiz um desligamento de uma funcionaria e correu tudo bem quanto ao desligamento, o problema é que não consigo emitir o DAE do INSS referente a recisão, o que faço para emitir a guia do INSS após o desligamento?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Luis, tudo bem?
      Nestes casos normalmente tem haver com datas. Verifique as datas que você colocou no desligamento para aviso prévio trabalhado, ou aviso prévio indenizado no caso a projeção desta data e também a data que realizou o pagamento ao trabalhador.
      Atenciosamente,

  152. Ana Lucia

    Estou conseguindo realizar o desligamento do funcionário e emitindo o DAE com o valor do FGTS sem problemas.
    Quando clico na opção de ADIANTAR O PAGAMENTO o sistema me leva para preecher os dados da folha de pagamento ainda na (OPÇÃO 1 – PREENCHER RENUMERAÇÃO MENSAL) após informar os campos necessários e escolher CONCLUIR O PAGAMENTO o sistema não permite continuar pois exibe os erros:
    * O Grupo Informações complementares de identificação do trabalhador é de preenchimento obrigatório.
    * O trabalhador deverá encontrar-se ativo no período. Ação Sugerida: Verificar se o tabalhador relacionado encontra-se ativo no período.

    Como resolver esse problema?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Ana Lucia, tudo bem?
      Estes erros no eSocial não tem uma explicação ou lógica que possamos seguir. Eles ocorrem de maneira não genérica e sem padrão, dificultando apontar exatamente o que está errado.
      Algumas opções que você pode tentar, já conseguiu emitir a guia FGTS rescisória e o termo de rescisão, é ir a aba folha/recebimento para gerar a guia DAE sobre o valor da rescisão da competência de Julho/2016, lembre-se que esta folha deve estar aberta.
      Caso não dê certo desta forma, a outra opção é gerar o desligamento novamente desde o início.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

    2. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Oi Ana,
      Você verificou as datas que está utilizando no desligamento?
      O número para ligar seria o 158, e aqui em São Paulo, os assuntos relacionados ao eSocial são tratados nas agências da Receita Federal.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  153. Christianne Pucci Gonçalves

    Bom Dia
    Fiz o desligamento da minha funcionária com todos os valores, gerei a gruia do FGTS (com a multa) mas não consigo emitir o DAE para o pagamento do INSS da rescisão. Ele dá a mensagem que o funcionário tem que estar ativo para emitir o DAE, mas como se estou fazendo a rescisão dela ?
    Podem me ajudar ?
    Obrigada

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Christianne, tudo bem?
      O eSocial tem passado por algumas alterações recentemente durante este mês que vem causando alguns bugs no sistema que tem ocasionado erros como este que você encontrou.
      Não sabemos a origem deste erro até o momento, e também não encontramos solução, nos restando apenas a opção de aguardar que eles finalizem as alterações para verificarmos se normalizará estes erros.
      As tentativas comums de excluir o desligamento não tem ajudado a resolver o erro.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Vanessa

        Tive o mesmo problema ao tentar fazer o fechamento do mês, com a rescisão da domestica. O DAE vence na sexta, como proceder, caso o problema não seja resolvido pelo site até a sexta.

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Vanessa, tudo bem?
          Verifique as datas lançadas no desligamento e também para pagamento do trabalhador. Estes erros do eSocial não são fáceis de apontar uma solução sem investigar tudo o que foi feito.
          Atenciosamente,

    2. Paula Vicentin

      Bom Dia
      Tenho dois empregados cadastrados no E-social, estou fazendo a rescisão de um deles, a data final do aviso prévio trabalhado será no dia 31/07/2016 (domingo), já lancei todos os valores, consigo emitir a guia rescisória do FGTS (multa) mas não consigo emitir o DAE para o pagamento do INSS da rescisão. Ele dá a mensagem que o empregado tem que estar ativo para emitir o DAE, mas estou fazendo a rescisão dele ? Será que é porque tenho a outra empregada cadastrada ou porque a data final da rescisão é dia 31 no domingo?
      Podem me ajudar ?
      Obrigada

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Bom dia Paula, tudo bem?
        O eSocial gera alguns erros que não tem explicação lógica. O que você pode tentar fazer é limpar o rascunho do desligamento que você fez anteriormente e começar desde o início novamente para ver se o erro desaparece. Caso esta mensagem continue surgindo mesmo depois de limpar o rascunho, surigiro que troque a data de 31/07/2016 para 30/07/2016.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

    3. Fabio Faria

      boa tarde.
      tb estou com o mesmo problema, vc conseguiu resolver, pode me explicar?
      Já liguei no 158 do esocial mas não deu certo.

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Fábio, tudo bem?
        Qual o problema que você está encontrando?
        Aguardo seu retorno.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

    4. Ana Lucia

      Ola Christianne Pucci Gonçalves.
      Estou com o mesmo problema e ainda não consegui nenhum tipo de ajuda, gostaria de saber se vc descobriu como resolver e se pode me informar.

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Ana Lucia, tudo bem?
        Você já verificou as datas de desligamento e também de pagamento ao trabalhador?
        A outra opção é limpar o rascunho e começar o desligamento do zero.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

    5. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Oi Christianne,
      Você verificou as datas de aviso que colocou na rescisão? Verificou a data de pagamento que colocou no campo de pagamento ao trabalhador?
      Para informações ao eSocial tem o telefone 158 opções 2 e 1, ou pessoalmente em uma agência da Receita Federal da sua cidade.
      Nós realizamos este serviço de rescisão, caso consulte os dois canais mencionados e não obtenha resultado, por favor, entre em contato caso tenha interesse em nosso serviço.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  154. Jean Carla

    Boa tarde!
    Fiz o desligamento da minha empregada doméstica (último dia de trabalho 31/07/2016). Consegui gerar a guia do FGTS rescisório e os termos de rescisão e quitação. Porém, o sistema não habilita a folha de pagamento do mês de julho para que eu possa emitir o DAE mensal para o recolhimento das demais verbas rescisórias (INSS). Quando acesso o módulo “folha/recebimentos e pagamentos”, a folha de competência julho/2016 consta com a situação “sem informação” e sem possibilidade de acesso. Dessa forma, não consigo fazer o fechamento da folha. Como faço, então, para gerar o DAE de julho (rescisório)?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Jean Carla, tudo bem?
      O eSocial vem passando por várias alterações no decorrer deste mês. Antes não era permitido concluir o desligamento antes da data, no seu caso, só seria possível concluir o desligamento no dia 31/07 ou à partir do dia 01/08/2016.
      Não sei te explicar a origem deste erro, mas com certeza me parece um bug no sistema causado por alguma modificação recente que eles realizaram.
      O que posso sugerir, é que aguarde até a data para alterar o desligamento e tentar concluir para ver se a competência de Julho estará disponível para fechamento.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  155. Heloisa

    Boa Tarde,

    Não estou conseguindo finalizar o desligamento de duas empregadas domésticas, após preencher os campos e clicar em “concluir desligamento” aparece o seguinte erro: “O evento somente será aceito após a data de início da obrigatoriedade do empregador ao eSocial”. O que significa e como devo proceder? Obrigada.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Heloisa, tudo bem?
      Você deve observar qual a data de contratação das funcionárias.
      O eSocial apresenta alguns erros não específicos, como este que você está descrevendo, que é difícial de apontar exatamento o erro.
      Inicialmente você pode tentar verificar a data de contratação das funcionárias e também se a data de desligamento não é posterior a data que você está gerando o desligamento.
      Caso esteja tudo certo, você pode excluir o desligamento e começar do início de novo.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Heloisa

        Agradeço o retorno e atenção às nossas dúvidas.
        O Erro foi resolvido após a virada do mês, esperei até o dia 01/08 e consegui fechar a rescisão.

        Fica a informação para quem passar pelo mesmo problema.

        Gostaria de saber se o empregador deve fornecer formulário para o seguro desemprego da doméstica? Os funcionários da CEF orientaram a ex-empregada a solicitar o papel para o empregador, qual o procedimento correto?

        obrigada.

  156. Ricardo

    Boa tarde!
    Como alterar a data de admissão de uma empregada doméstica no e-social, uma vez que a data de admissão foi informada errada?
    A empregada foi cadastrada no e-social em Out/15 e ainda está ativa, porém com a data de admissão errada. Não é possível alterar pelas abas Trabalhador => Gestão de Trabalhadores => Dados Contratuais, pois o campo não habilita.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Ricardo, tudo bem?
      Você pode tentar pelo caminho: gestão de trabalhadores > movimentações trabalhistas
      Caso você não consiga deverá anotar todas as alterações já feitas, todas as informações das guias emitidas, excluir a funcionária e cadastrá-la novamente com a data de admissão correta.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Jéssica Santos

        Bom dia,
        Estou com este mesmo problema de cadastro da data de admissão incorreta, porém, se eu excluir a funcionária e refazer as informações novamente, não vai ser cobrado multa e juros pois estas informações serão desde out/2015?
        Att.
        Jéssica Santos

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Bom dia Jessica, tudo bem?
          Você vai gerar a informação novamente, mas não vai precisar realizar o pagamento, pois estas guias já foram pagas previamente. O esocial não tem conciliação entre guia gerada e paga, por isso possibilita a reabertura das mesmas.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

    2. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Karina, tudo bem?
      Como ela está apresentando um atestado de comparecimento, você pode descontar as horas que ela não trabalhou. Você deve considerar 2 horas para deslocamento do local onde ela foi atendida até a sua casa e as demais horas podem ser descontadas. Quando ela apresentar um atestado para o dia, você deve abonar o dia, como ela apresentou de comparecimento deve abonar apenas as horas indicadas no atestado mais 2 horas para deslocamento.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  157. Bruna Leandro Machado

    Boa tarde,

    Fiz o desligamento do empregado domestico em 31/07, foi feito tudo conforme orientação e gerado uma guia DAE somente com os valores do FGTS, eu esperava que o valor do INSS fosse sair no fechamento da folha de Julho porém ao ir até a aba “Folha/ Recebimentos e pagamentos”o mês de Julho/2016 aparece como “Sem informação” e não consigo gerar a guia para o pagamento do INSS, como devo fazer para recolher?

    1. Post
      Author
      John Drinane

      Bom dia Bruna, tudo bem?
      Apenas para confirmar, a data da rescisão é 30/06/2016 ou 31/07/2016?
      Se for 31/07/2016 existe a possibilidade de ter gerado um erro pois ainda estamos em 28/07/2016 e o sistema do eSocial não permite concluir desligamentos antes da data.
      Aguardo seu retorno.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Helena, tudo bem?
          Você deve aguardar até a data que realmente deveria realizar o desligamento da funcionária, e optar por alterar o desligamento para tentar novamente e ver se o problema já foi resolvido.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

      1. Livia Rando

        Boa noite, estou com o mesmo problema da Bruna, em “Folha/ Recebimentos e pagamentos”o mês de Julho/2016 aparece como “Sem informação” e não consigo gerar a guia para o pagamento do INSS, como devo fazer para recolher? eu demiti minha funcionária em 31/07/2016, fiz todo o processo de desligamento mas essa guia não consigo gerar.

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Livia, tudo bem?
          É difícil definir um erro sem verificar o que foi feito, mas me parece que tem a haver com as datas que foram lançadas no desligamento.
          Faça uma revisão das datas para verificar o que pode estar errado e impedindo a abertura da folha para fechamento e recolhimento dos tributos sob o valor da rescisão.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

    2. Jussara Paula

      Boa tarde, minha empregada doméstica se aposentou em maio de 2016. Somente agora, em agosto de 2016 fui excluí-la do esocial, porém não consigo. Encerrei as folhas de pagamento dos meses de junho e julho com saldo 0,00 de remuneração. Mas ao tentar excluir minha empregada doméstica do esocial me deparo com a seguinte frase: Sr. Empregador, no mês em que o empregado for desligado não pode haver informações de remuneração mensal para o mesmo. Antes de fazer o desligamento, primeiramente reabra a folha do mês, se a mesma estiver fechada (clicar no botão “Reabrir Folha” ), e exclua toda a remuneração do trabalhador no respectivo mês (clicar na opção “excluir” na coluna “Ação”). O que fazer?
      Me ajudem, porfavor!

  158. MARIA BERNADETTE CECCHI CARDOZO

    O empregador domestico faleceu e a esposa assumirá os empregados. Como alterar o empregador do e-social sem rescisão de contrato.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Maria Bernadette, tudo bem?
      Por lei a esposa pode assumir o contrato de trabalho existente da doméstica, mas agora com a questão do eSocial, o empregado fica atrelado ao CPF do empregador.
      Além da rescisão, existe a possibilidade de consulta a uma agência da Receita Federal para ver se existe uma maneira legal de fazer essa transferência junto à Receita.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  159. Regiane

    Bom dia,

    Tenho um motorista particular registrado no e – social, ele estava cumprindo aviso previo quando se acidentou faltando dois dia para finalizar o aviso, o que quero saber e se cancelo a rescisão e refaço uma nova devido ele ter ficado afastado pelo o inss ou fecho como esta?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Regiane, tudo bem?
      Você deve cancelar a rescisão e só poderá dar procedimento após o retorno do afastamento do funcionário.
      Não pode ser realizada a rescisão enquanto o mesmo estiver afastado.
      Agora o que você deve fazer é solicitar o atestado para registrar o afastamento dele no eSocial e prestar atenção quanto as regras de recolhimento de impostos neste período. Quanto ele estiver liberado, através de perícia do INSS para retornar ao trabalho, você poderá então realizar o desligamento.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  160. Deiva Matos

    Boa tarde!

    Não consigo gerar a rescisão de uma doméstica, dá a mensagem que ela está com status de “afastamento” porém todo mês a folha é gerada normalmente.
    Não consigo voltar ela para o status “ativo”.
    Verifiquei que não foi preenchido do retorno das férias em Novembro de 2015, mas também não consigo mais editar essa informação.
    Devo excluir todas as informações posteriores a data das férias do e-social para poder excluir as férias ?
    Como faço para voltar esse funcionário para “ativo” para finalizar essa rescisão.

    Aguardo
    Grata
    Deiva Matos

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Devia, tudo bem?
      Se o motivo do afastamento da funcionária é devido a férias, você deve tentar registrar o retorno da funcionária para que ela possa apresentar o status de “ativo” novamente para então ser possível fazer a rescisão.
      Se houver outros eventos além das férias na movimentação da funcionária, você deve anotar o que foi modificado, excluir estas movimentações para retificar o evento de férias lançado em novembro.
      Não indicaria excluir o evento de férias, pois este ocorreu em 2015 e existe a questão do período concessivo. Caso tenha passado este período, e você excluir esta movimentação, existe a possibilidade de quando lança-lo novamente o mesmo ter ocorrência de multa por estar fora do período concessivo.
      Inicialmente tente estas alternativas para ver se consegue então prosseguir com a rescisão.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Isaias Luz

        Bom dia
        estou com mesmo problema com a Sra. Deiva, fiz as ferias com gozo de 01/06/2016 a 20/06/2016 …
        Porem estou desligando empregada com data de amanha 06/09/2016, porem a mesma encontra-se como empregado afastada.

        Minha duvida é a seguinte, se eu excluir os eventos seguintes (salario junho e julho) ao fechar novamente, o sistema nao calcularia JUros nas guias de pagamento?

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Isaias, tudo bem?
          Você vai gerar as guias novamente, mas não tem que pagar, pois as mesmas já foram pagas anteriormente, o que vale são as guias pagas com comprovante de pagamento. O sistema do eSocial não tem consiliação de pagamento das guias, portanto você pode reabrir as competências e encerrá-las novamente sem receios.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

    2. Francelina Antoneli

      Bom Dia,

      Não consigo gerar a rescisão de uma doméstica, dá a mensagem que ela está com status de “afastamento” porém todo mês a folha é gerada normalmente.
      Não consigo voltar ela para o status “ativo”.
      Verifiquei que não foi preenchido do retorno das férias em Outubro de 2015, mas também não consigo mais editar essa informação.
      Como faço para voltar esse funcionário para “ativo” para finalizar essa rescisão? Qual o passo?

      Aguardo,
      Francelina Antoneli

      1. Post
        Author
        Equipe Lalabee

        Boa tarde Francelina, tudo bem?
        Você deve excluir este evento de férias e lançá-lo novamente, após realizar este procedimento você conseguirá realizar o desligamento da funcionária. Não se esqueça de verificar que a folha da competência em que está realizando o desligamento esteja aberta.
        Atenciosamente,
        Equipe Lalabee

  161. Jalmir César

    Olá pessoal, boa tarde,
    Tenho 2 empregadas cadastradas no e-social, entrei no portão em 10/07/2016 e tentei gerar a demissão de uma delas em com data de desligamento em 10/06/2016, até ai tudo bem, informei os dados de proventos e descontos da rescisão ele calculou a rescisão, mas na ora de concluir o pagamento apareceu a mensagem de que antes de fazer o desligamento deve-se excluir a remunerção do trabalhador. diante disso, reabrir a folha e efetuei a exclusão conforme orientação e encerrei a folha, então refiz o desligamento novamente e apareceu a mesma mensagem informando que no mês do desligamento a remuneração deve está zerada “0,00”. Ora, isso já foi feito ! mesmo assim reabrir a folha novamente excluir a movimentação e zerei novamente a remuneração, mas ao tentar novamente o desligamento a mesma mensagem aparecia (remuneração de ser zerada “0,00” no mês do desligamento. Após a 4ª tentativa apareceu a mensagem ” Erro na estrura da solitação:Erro na estrutura da solicitação: The element ‘remunPerApur’ in namespace ‘http://www.esocial.gov.br/schema/evt/evtRemun/v02_01_00’ has invalid child element ‘infoAgNocivo’ in namespace ‘http://www.esocial.gov.br/schema/evt/evtRemun/v02_01_00’. List of possible elements expected: ‘indSimples, itensRemun’ in namespace ‘http://www.esocial.gov.br/schema/evt/evtRemun/v02_01_00’.. ” e ai já a minha folha não consegue mais encerrar.
    Não sei mas o que fazer, não posso concluir o desligamento e agora tabem não cosigo encerrar a folha com com a informação de remuneração zerada.
    Me ajudem por favor!!!

    Obs.: Só consigo encerrar a folha com a informação de remuneração das duas empregadas.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Jalmir, tudo bem?
      Como não tive ocorrência deste erro antes, o que sugiro é que você verifique que a folha do mês de junho esteja reaberta para as duas funcionárias, depois vá para o desligamento, exclua o desligamento e comece tudo de novo para ver se consegue finalizar sem a ocorrência deste erro.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  162. Carlos

    Minha empregada foi demitida em 09/12/2015. Conforme orientado anteriormente, como era impossível proceder a demissão no esocial, lancei o valor R$ 0,00 para os pagamentos. Agora, quando tento realizar a demissão, é solicitada a exclusão dos pagamentos posteriores, porém tal procedimento é impossível de ser realizado. A folha permanece como Pendente (Jan/2016 a Julho/2016). Mesmo reabrindo a folha, a opção excluir ao lado do empregado não fica acessível. Os valores retornam para o original do salário base, mesmo que o pagamento do mês já tivesse sido lançado como R$ 0,00. Desta forma, fica impossível excluir os pagamentos posteriores à data do desligamento (09/12/2015) e, consequentemente, demitir o empregado no esocial. Se puder me ajudar, agradeço muito a sua atenção.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Carlos, tudo bem?
      Nós podemos te ajudar sim, mas existem muitas possibilidades para resolver o seu caso e é baseado em tentativa e erro.
      Como um processo depende de outro a lista de possibilidades é muito grande para te passar e até tornaria-se confuso.
      Uma alternativa, caso não tenha tantado ainda, é colocar o valor do salário dela normal no cadastro, reabrir as competências e tentar gerar o desligamento dela.
      Caso não dê certo, podemos oferecer nossa ajuda profissional para te ajudar com este desligamento, pois é um processo laborioso que demanda tempo, conhecimento no sistema do eSocial, uma análise detalhada do cadastro além das tentativas para tentar retificar o erro que não está permitindo o desligamento.
      Se houver interesse em nossos serviços, teremos o maior prazer em ajudá-lo, basta entrar em contato, através do e-mail rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  163. Cássia

    Boa tarde, fiz uma rescisão, porém tinha um erro no cadastro do funcionário, já fiz a correção e agora preciso imprimir o TQRCT, quando faço o caminho: trabalhador, desligamento, nome do empregado e matrícula, abre e fecha a opção de imprimir tão rápido que não da tempo de clicar, alguém pode me ajudar, por favor

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Cassia, tudo bem?
      Você deve tentar fazer o desligamento novamente devido a alteração cadastral realizada.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  164. Cleuma

    bom dia, como pagar os 40% sobre o FGTS da minha funcioária, o esocial só gera a guia rescisória e não gera a guia ref os 40%. Como fazer esse depósito sem saber o saldo da conta dela???

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Cleuma, tudo bem?
      A multa rescisória do empregado doméstico não é de 40% e sim de 3,2%, e este valor você tem pago mensalmente nas guias de recolhimento sob o código “1251 FGTS -INDENIZAÇÃO PERDA DE EMPREGO- DOMÉ”. Quando você gerou a guia rescisória do FGTS este valor já está na guia.

      Boa tarde Cleuma, tudo bem?
      O empregado doméstico não tem multa indenizatória de 40% e sim de 3,2% que é pago mensalmente na guia DAE sob o código “1251 FGTS -INDENIZAÇÃO PERDA DE EMPREGO- DOMÉ “. Este valor já está incluso na guia de FGTS rescisório que você gerou para sua funcionária no momento do desligamento.
      Aproveito a ocasião para enviar a cartilha do simples doméstico para que você leia mais detalhes a respeito.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  165. Ricardo

    Bom dia!
    Como alterar a data de admissão de uma empregada doméstica no e-social? (Obs: empregada está ativa, apenas percebemos agora que, quando de seu cadastro, a data de admissão foi informada errada).

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Ricardo, tudo bem?
      A data de admissão deve ser alterada na aba de Trabalhador > Gestão de Trabalhadores > Dados Contratuais.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Ricardo

        Boa tarde! Obrigado pelo retorno, mas não é permitido alterar a data de Admissão por esse caminho, o campo fica inabilitado. Será que não é possível alterar data de Admissão?

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Bom dia Ricardo,
          É permitido sim a troca da data de admissão, mas às vezes, você tem que ter um pouco de trabalho extra.
          As alternativas são: trocar a data na “movimentação trabalhista” ou então excluir o trabalhador e fazer o cadastro do zero. Se optar por excluir o trabalhador, você deve anotar todas as informações necessárias para refazer o cadastro novamente, como alterações de salário, férias, afastamentos, e também os fechamentos de folha com seus respectivos valores.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  166. Márcia Araújo

    Fiz o desligamento da minha funcionária em 30/06 e preenchi errado o motivo: demissão por força maior. Todas as guias foram emitidas e pagas. Precisava alterar o motivo para demissão sem justa causa. Acessei esse link no e-social mas depois que altero eles me informam que a folha de pagamento já está fechada e precisa ser reaberta. Como posso corrigir meu erro?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Márcia,
      Antes de fazer a alteração que você precisa no eSocial, você deve ir a “Folha/Recebimentos e pagamentos”, clicar na competência em questão, clicar no nome da funcionária e clicar em “reabrir folha” para depois conseguir realizar a modificação que você deseja.
      Atenciosmente,
      Equipe Lalabee

  167. Adevaldo Oliveira

    Como faço no caso de falecimento do empregador (marido) onde a esposa será a nova empregadora, dando continuidade ao contrato.
    Além de anotar na CPTS da empregada domestica deste fato, o que preciso fazer agora no sistema do eSocial do empregador falecido e depois, na rescisão, como proceder para liberar o FGTS do empregador falecido?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Adevaldo,
      Não tenho 100% de certeza, mas você pode esclarecer em uma agência da Caixa Econômica. Existe a possibilidade de unificar as contas de FGTS para que ela possa realizar o saque.
      Quando você for a uma agência da Caixa a pergunta que você deve fazer é se com a sucessão trabalhista, deve-se fazer a unificação das contas de FGTS a qualquer tempo ou somente em caso de rescisão contratual.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  168. Gisele

    Boa tarde ! O caso é o seguinte : domestica com opção de FGTS desde 01/2014, demissão sem justa causa em 30/06/2016, ao ir na caixa sacar o fgts pagaram a ela somente o periodo depositado pelo esocial e pediram que o empregador gerasse uma chave referente ao cei do periodo anterior ao esocial …pergunto: como gerar a chave se o empregador nao tem certificado digital uma vez que as sefip’s eram entregues por um escritorio de contabilidade??

    Desde ja agradeço

    Obrigada

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Gisele, tudo bem?
      Você pode ir até uma agência da Caixa e pedir para falar com setor de FGTS e solicitar extrato para unificação das contas, se ainda for possível, para sacar o valor anterior ao eSocial. Você deve levar a cópia do termo de rescisão e quitação para que possam gerar o extrato FGTS para você.
      Caso haja algum obstáculo, explique ao caixa que não a possibilidade de gerar a chave pois trata-se de empregador doméstico. Existem casos que somente a troca de localidade soluciona o problema.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  169. Fabio Araujo Giudice de Farias

    Bom dia! Minha funcionária pediu demissão no dia 13-07-2016, estou tentando desde o dia 13 fazer o desligamento usando o motivo 07, porém quando clico em “concluir desligamento” sempre aparece o erro “Já existe no evento um grupo com mesma chave de identificação.” Liguei pro 158 e ninguém sabe informar o motivo do erro. Preciso de ajuda pois só tenho 10 dias para desligar o funcionário, por favor me ajude pois não sei a quem recorrer para concluir o desligamento. Existe alguma outra forma de concluir esse desligamento?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Fábio, tudo bem?
      Para conseguir finalizar este desligamento, requer conhecimento avançado da plataforma do eSocial para fazer as modificações necessárias no cadastro do funcionário, em eventos anteriores ao desligamento e como este erro não é específico ou relacionado a algum origem certa, muitas tentativas são necessárias para correção e conclusão do desligamento.
      Como prestamos este tipo de serviço em nosso escritório, tivemos apenas um outro caso parecido com o seu.
      Como foi mencionado anteriormente, realizamos diversos processos, como alterações cadastrais, contratuais, verificação em registros de movimentações para entender o que estava acontecendo. É difícil dizer o que você deve fazer neste caso, pois precisamos analisar o cadastro do seu funcionário.
      A melhor forma que temos para te ajudar é oferecendo nossos serviços para fazer este desligamento para você.
      Caso tenha interesee, por favor, entre em contato por e-mail rb.mo1574224776c.eeb1574224776alal@1574224776otatn1574224776oc1574224776 ou telefone (11) 5181-8110.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Post
        Author
        Fabio Araujo Giudice de Farias

        Descobri que era um bug do esocial gerado pela duplicidade do campo de adiantamento do 13°, o erro foi corrigido hoje aproximadamente 12h, já consegui realizar o desligamento.
        De qualquer forma, agradeço mais uma vez pela presteza na resposta e pode ter certeza que, caso volte a precisar ou conheça alguém que precise, indicarei os serviços de vocês.

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Oi Fábio,
          Agradecemos a sua informação e volte sempre para participar de nosso blog!
          Obrigada,
          Equipe Lalabee

  170. Daniella Queiroz

    Fiz o calculo da rescisão e não coloquei os dados de salario maternidade pago pelo INSS, gerei a DEA do FGTS rescisório e paguei. Contudo, verifiquei este erro e tive que recalcular eo valor a ser pago aumentou. Coo consigo pagar apenas a complementação? Só consigo gerar o novo DAE.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Daniella, tudo bem?
      A funcionária ainda está afastada devido a licença maternidade?
      Caso ela ainda esteja afastada a rescisão não pode ser realizada, pois está em período de estabilidade.
      Estou confusa em relação aos cálculos, pois independente da licença, você deve levar em consideração a data de admissão e de rescisão do contrato, não me recordo de ter visto rubricas especiais em relação à licença maternidade.
      Se você puder explicar melhor o que deixou de fazer ficará mais fácil para te orientar.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  171. Silvana Ferreira

    Boa Noite! Ao fazer o desligamento do empregado, o sistema gera a DAE do FGTS, mas não gera a Guia da Previdência. Como fazer?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Silvana, tudo bem?
      A guia com recolhimento do INSS será gerada quando você fizer o fechamento da competência.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  172. Andréa

    Boa Noite! Desliguei minha empregada em 30/06/16, hoje dia 11/7 ela foi na Caixa Econômica Federal pra obter informações sobre o recebimento do FGTS e informaram que o campo 28 (Pensão Alimentícia) do TRCT está em branco e que deveria estar preenchido mesmo que com zeros. Me ajuda por favor porque não consigo achar uma forma de preencher esse campo. Ela foi dispensada sem justa causa, e também não levamos nada em juízo, tudo de acordo. O campo 29 que fala de Pensão Alimentícia FGTS está com zeros, mas o campo 28 que ele está exigindo não entendo como preenchê-lo. Obrigada.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Andréa, tudo bem?
      Não tem como preencher este campo, é uma falha de preenchimento do eSocial.
      O que você deve fazer é solicitar a sua funcionária que procure uma outra agência para fazer o saque.
      Nossos clientes que atendemos e fazemos as rescisões, os funcionários já fizeram o saque do FGTS e quando encontraram problema semelhante ao seu, pedimos que trocassem de agência e foi assim que conseguiram solucionar o problema.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

      1. Andréa

        Fiz como me orientou, ela foi em outra agência e conseguiu receber. Obrigada pela atenção.

  173. Lilian Brito

    Boa tarde!

    Gostaria de saber, estou com um problema, não estou conseguindo gerar a multas de rescisão e chave no E-social, hoje. Podem me ajudar?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Lilian, tudo bem?
      Quais multas de rescisão você se refere?
      Quanto a chave, o eSocial não gera. A chave de saque será gerada manualmente pelo funcionário da Caixa Econômica ou caso o empregador tenha um número CEI.
      Aguardo seu retorno.
      Atenciosamente,

  174. Carolina Oliveira Cremonesi

    Bom dia a Todos!

    Preciso de um solução com urgência, estou tentando gerar o desligamento de um funcionário em 01/07/2016, no entanto, o sistema não deixa concluir, pois informa que o status do funcionário está como “afastado”. Com isso não consigo concluir a rescisão e, preciso pagar o funcionário hoje.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Carolina, tudo bem?
      Você deve observar se esta funcionária está afastada por motivo de férias, doença ou licença maternidade.
      Caso seja por férias, será necessário excluir o evento de férias e lança-lo novamente.
      Se for por motivo de doença ou licença maternidade você deve lançar o retorno primeiro. Se você não tem data de retorno para estes eventos, você não pode realizar o desligamento desta funcionária até que este retorno seja lançado e que o período de estabilidade seja observado.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  175. SCCE Contabilidade

    Bom dia!

    Estou tentando fazer o desligamento de uma funcionária, porém aparece o seguinte erro: “Não é permitido o desligamento do trabalhador. Ações Sugeridas: – Verificar se o trabalhador encontra-se ativo – Verificar se o motivo do desligamento do trabalhador é compatível com o desligamento sem retorno do afastamento”, desta forma não consigo gerar a rescisão e a DAE para pagamento. Como devo proceder para arrumar o erro?
    Vocês conseguem me dar alguma dica?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Bianca, tudo bem?
      Você deve verificar se este funcionário (a) não está afastado por motivo de férias ou por motivo de auxílio doença, acidente de trabalho.
      Caso esteja afastado por motivo de férias, será necessário excluir as férias e cadastrar as mesmas novamente para que seja possível gerar o desligamento. Se estiver afastado por motivo de doença, para tornar o status do funcionário (a) ativo, deve lançar o retorno do mesmo a atividade na aba de “afastamento”.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Karla, tudo bem?
          Você pode explicar melhor o que está tentando fazer? Você precisa excluir as férias para fazer desligamento?
          Aguardo seu retorno.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  176. IARA

    DEPOIS DE TODO ESSE PROSSEDIMENTO , FALTOU A CHAVE PARA SAQUAR O FGTS COMO FAZ SE O ESOCIAL NAO DISPONIBILIZA A CHAVE JUNTO COM A GUIA DA GRRF. COMO DEVE SER EMITIDA A CHAVE PARA PAGAMENTO DO SAQUE DO FGTS ?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Iara, tudo bem?
      Você só conseguirá gerar esta chave se possuir um número CEI. Não é necessário gerar a chave para saque, esta chave é gerada de maneira manual pelo funcionário do banco no momento do saque. A sua funcionária (o) deve comparecer a uma agência da Caixa Econômica com os termos de rescisão, quitação, CTPS e documento com foto. Caso ele (a) esteja encontrando dificuldade para sacar tem que mudar de agência. Algumas agências ainda não estão por dentro do procedimento para o saque do FGTS para o empregado doméstico.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  177. Ana Alice

    Bom dia!!!
    Fiz a rescisão de minha funcionária em 01/06/2016. E em 06/06/2016 contratei uma outra. Pois bem quando fui gerar a guia deste mês, aparentemente aparece valores relativos a outra funcionaria tendo em vista que o valor está muito alto. A ex-funcionária já recebeu todos os valores inclusive o FGTS. O que pode está ocorrendo?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Ana Alice, tudo bem?
      Quando você fez o desligamento da sua funcionária a guia que foi gerada era somente referente a FGTS rescisório. Quando você foi fazer o fechamento da competência de Junho, o valor alto que aparece é o valor da rescisão e o que será cobrado é o valor do INSS sobre a rescisão.
      Não tem nada de errado, é que o eSocial faz duas guias separadas para recolhimento de FGTS e INSS quando se trata de rescisção (desligamento).
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  178. Amilcar

    Estou com um problema. Preciso fazer a demissão, mas o sistema não deixa indicando que o funcionário está “afastado”. Minha empregada tirou ferias de 01/06 a 30/06. E estou tentando fazer a demissão agora em 04/07. Mas não existe nenhuma forma de registrar o “retorno de férias”. A opção “eventos trabalhistas” foi removida e agora tem “Férias” e “Afastamento Temporário”. Nas férias, mesmo selecionando as férias, não existe botão ou link para registrar o retorno das ferias. E no “Afastamento Temporário”, está afastada, com tipo de evento “Férias” e não tem link na data para clicar.

    Como faço? Qualquer ajuda será muito bem vinda.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Amilcar, tudo bem?
      Com a mudança do campo de férias, não existe mais a opção de lançar o retorno de férias, portanto você deve excluir o evento e lança-lo novamente para então realizar o desligamento desejado.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  179. Catarine

    Boa noite

    fiz o desligamento da minha empregada domestica mas no esocial não da a opção de gerar a chave pra que possa ser sacado o fgts como devo proceder? Desde ja grata

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Catarine, tudo bem?
      No eSocial você não tem esta opção de gerar chave, somente poderá gerar a chave de saque se você possuir um número CEI.
      Caso você não tenha este número, não é necessário. A funcionária deve dirigir-se a uma agência da Caixa Econômica com os termos de Rescisão e Quitação, CTPS, documento com foto e a chave será gerada manualmente no momento do saque pelo funcionário do banco.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  180. Maria Ester de Almeida

    Sou fazendo a rescisão da doméstica, ela foi admitida em 01/04/2015, com o salário de R$1.000,00 em janeiro/2016 foi reajustado para 1.116,70.
    Então para as férias vencida dela considero 10 meses a base 1.000,00 e 02 meses com 1.116,70?
    Grata.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Maria Ester, tudo bem?
      Para as férias vencidas você deve considerar o salário atualizado no valor de R$ 1.116,70.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  181. Levi

    Bom dia,
    Fiz o desligamento de minha funcionária, no entanto não consigo imprimir o termo de rescisão, aparece o seguinte erro : 20160701092504HABL51TZJF. O que devo fazer? Posso fazer um termo de rescisão manual? A caixa aceitará?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Monica, tudo bem?
      Este erro já foi solucionado pelo eSocial. Caso você ainda não consiga imprimir os termos de rescisão e quitação você deve excluir o desligamento e começar o mesmo desde o início.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  182. Mariana Durand Rogério Salgado

    Bom dia,

    Não consigo gerar a rescisão de uma doméstica, dá a mensagem que ela está com status de “afastamento” porém todo mês a folha é gerada normalmente.
    Não consigo voltar ela para o status “ativo”.
    Verifiquei que não foi preenchido do retorno das férias em Novembro de 2015, mas também não consigo mais editar essa informação.
    Já exclui todas as informações posteriores a data das férias conforme orientação do e-social para poder editar o retorno das férias e o funcionário ficar ativo porém também não resolveu.
    Como faço para voltar esse funcionário para “ativo” para finalizar essa rescisão.

    Aguardo
    Grata

    Mariana Salgado

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Mariana, tudo bem?
      Você deve excluir o evento de férias e cadastrá-lo novamente.
      Desta forma vai conseguir cadastrar a saída das férias e também gerar o desligamento da funcionária.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  183. gisliane

    Bom dia

    fiz um desligamento no e-social emitir as dae, porem na hora de emitir o termo de rescisão deu o seguinte erro

    Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

    (código do erro: 201607010828224VX3IC1R32)

    estou a 3 dias tentando e da o mesmo erro….

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Gislaine, tudo bem?
      Este erro já foi solucionado pelo eSocial. Caso ainda não consiga emitir o termo de rescisão e quitação, você deve excluir o desligamento e começar o mesmo desde o início.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  184. HERMINIO SILVA LIMA

    FIZ TODO O PROCESSO DE DESLIGAMENTO , QUANDO VOU EMITIR O TERMO DE RECISÃO APARECE ESSE ERRO JA FAZ 3 DIAS , AS GUIAS DE FGTS SAEM NORMAL PARA PAGAMENTO

    O QUE FAZER SEGUE ERRO ;(código do erro: 20160701120314VQ2LXGC0PJ)

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Herminio, tudo bem?
      Este erro já foi solucionado pelo eSocial. Caso ainda esteja encontrando problemas para emitir o termo de rescisão e quitação, você deve excluir o desligamento e fazer o mesmo desde o início.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  185. Andre

    Estou tentando fazer o desligamento da minha doméstica. Ela está sendo desligada exatamente no meio ano, ou seja, tem direito a 50% do décimo terceiro. Acontece que eu já adiantei esse valor nas férias dela. Ela também não tem férias vencidas e nem por tirar. Além disso, já fiz o pagamento do mês. O pagamento do aviso prévio foi trabalhado. Em outras palavras, ela não tem direito a nenhuma verba rescisória. Acontece que o eSocial não deixa eu prosseguir se não preencher nenhuma verba… Ele mostra a seguinte mensagem: “É obrigatório o preenchimento de pelo menos uma Verba Rescisória”.

    Alguma sugestão?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde André, tudo bem?
      Você deve informar todas as verbas rescisórias devidas e na aba de descontos você deve lançar todas as verbas que foram adiantadas.
      Atenciosamente,
      Equipe Lalabee

  186. caio

    boa tarde.

    fiz o desligamento da doméstica corretamente na contadora. Mas no momento que vamos imprimir a recisão, ocorro o seguinte erro: (código do erro: 20160630120807A2R3IVN0CB). Não consigo imprimir de jeito nenhum, so informa este erro.

    fico no aguardo.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Caio, tudo bem?
      Este problema já foi solucionado pelo site do eSocial. você deve clicar no botão de imprimir os termos novamente, que conseguirá imprimi-los.
      Caso ainda esteja apresentando o mesmo erro, indico que “Limpe a rescisão” e comece tudo do zero.

  187. Flavia

    boa tarde! Tive uma doméstica que apenas trabalhou 15 dias e pediu demissão. Eu adiantei salário para ela, isto gerou uma mensagem no esocial que disse que os descontos não podem ser superiores a vencimento e disse para preencher a rubrica 99 Ajuste do Saldo Devedor. Como posso deduzir este valor (que foi lançado na rubrica 99) aos valores que preciso de pagar no DAE?

    Grata!
    Flávia

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Flávia,
      Você está recebendo esta mensagem porque não pode haver rescisão com valor negativo.
      O melhor seria que ela terminasse os 30 dias para pelo menos quitar o adiantamento que você fez para ela, pois não terá como gerar esta rescisão com valor negativo. Como o termo de rescisão e quitação sairão com valor R$ 0,00 é como se você estivesse perdoando essa dívida.

  188. Carlos Alberto Medeiros

    Solicito orientação sobre desligamento de doméstica a pedido, ou seja, por iniciativa do empregado, com dispensa de cumprimento de aviso prévio trabalhado. Há exigência de data do início, coisa que não existe, sem o que não avança. Possuo urgência. Muito obrigado.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Carlos Alberto,
      Sim você pode repetir a data, pois ela não vai cumprir o aviso trabalhado.
      Assim como no aviso prévio indenizado, o empregador tem que pagar o equivalente a 1 salário para o empregado por estar dispensando o mesmo de cumprir o aviso prévio trabalhando, o empregado quando não o aviso prévio trabalhado perde o equivalente a 1 salário.
      Como você não tem interesse em descontar, basta não colocar este desconto na rescisão.

  189. Zélia Quadros

    Após o desligamento no E.social do empregado doméstico. Constatei que a data de admissão do empregado estar errada no e.social. E para o recebimento do FGTS pago pela caixa. Preciso alterar essa data e colocar a data correta.
    Como faço para proceder essa correção uma vez que a mesma já está desligada no E.social e as alterações disponíveis não me dão acesso a data de admissão?
    Obrigada,
    Zélia

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Zélia, tudo bem?
      Caso não tenha coletado a assinatura nos termos de rescisão e quitação, você pode excluir o desligamento para realizar a correção na data de admissão e processar o desligamento novamente.
      Caso já tenha coletado a assinatura da funcionária e entregue a ela os dois termos, você deve procurar no site da Caixa Econômica um documento para retificar essa informação (RDT – Retificação de Dados do Trabalhador – FGTS)

  190. sidney pereira

    Oi bom dia!!
    preciso de uma ajuda.
    no dia 29/11/2015, tive uma empregada domestica que foi dado baixa no sistema, porem como na época o esocial não tinha ainda a opção de desligamento, todo mês subsequente na hora de fazer o lançamento da nova funcionaria aquela que foi dado baixa aparecia no esocial, porém como a mesma não trabalhava mais eu zerava os valores e fechava o folha, porém nesse mês atentei que tinha a opção desligamento, porém não consigo fazer, preciso de ajuda como fazer.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Sidney, tudo bem?
      Se a funcionária que foi desligada em novembro/2015 ainda estiver cadastrada no sistema, primeiro você vai ter que reabrir todas as folhas à partir de novembro 2015 em diante onde ela esteja presente para depois ir na aba “Trabalhador” e clicar em desligamento, para fazer o desligamento simples dela, porque é antes do dia 08/03/2016.

  191. Damião

    Fiz o desligamento de uma das empregadas domésticas no dia 15/04/2016, tendo sido emitido o DAE e o Termo de Rescisão. Ocorre que a competência de abril está na situação “em edição”. Não conseguindo encerrar para a outra empregada que continua trabalhando. Ao tentar encerrar o pagamento aparece a mensagem “Para prosseguir com o encerramento, todas as competências vinculadas às datas de pagamentos informadas nas remunerações dos trabalhadores devem estar abertas”. Ao clicar no nome da trabalhadora que continua, disponibiliza o “salvar rascunho” e o “Concluir Pagamento”, porém aparece a mensagem: “A folha de pagamento já foi fechada, para alterá-la será necessário reabri-la.” Não sei como reabri-la. Você pode me orientar?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Bom dia Damião, tudo bem?
      Você deve abrir todas as folhas posteriores ao desligamento para encerrar a folha que deseja.
      Depois que fechar esta folha, você pode fechar as demais.

      1. volker bogdawa

        Fiz todos os passos de desligamento da minha doméstica, imprimi as duas guias para pagamento dos tributos do FGTS do desligamento e os tributos do mês de junho, mas o sistema não deixa eu imprimir o termo de rescisão/desligamento, da um erro: 20160629085158NUNKIQWZWY
        Como faço para imprimir este documento?
        Obrigado

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Volker, tudo bem?
          O eSocial está com instabilidade no site e é necessário esperar que o problema seja resolvido para acessar a informação desejada.

    2. Post
      Author
  192. Paola

    Olá foi feito o desligamento da minha empregada pelo e-social tudo corretamente , porém o nome dela permanece lá . terei problemas na hora de imprimir o DAE da nova secretária mês que vem ? Devo excluir todos os registros dela p poder ela sair de lá?

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Paola, tudo bem?
      Se a rescisão da sua funcionária foi realizada no mês de junho, a funcionária desligada vai aparecer no próximo fechamento de competência, para arrecadas os tributos referente ao INSS (segurado e patronal) e acidente contra risco de acidente no trabalho.
      A guia que você gerou quando fez o desligamento da funiconária, era só referente ao FGTS rescisório dela. Portanto, está correto que apareça na próxima competência, pois ainda existem arrecadações pendentes referente a rescisão. Na próxima competência “Julho” com fechamento no início de “Agosto”, ela não aparecerá mais na guia.
      Para verificar, basta ir na aba “trabalhador”, ” desligamentos”, clique no nome da funcionária desligada e obseve se o status está mostrando ” desligado”.

      1. Márcia Regina de Paula Fonseca

        O mesmo aconteceu comigo,mas não estou conseguindo gerar folha de pagamento da nova empregada.

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Márcia, tudo bem?
          Você poderia explicar melhor o que está tentando fazer?
          Aguardo seu retorno.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

      2. Luciana

        Boa tarde!
        Estou com um problema parecido com esse. Ocorre que quando desliguei a doméstica (10/06/2016)optei por antecipar o pagamento do INSS da rescisão e agora que quero emitir o DAE de junho da nova doméstica contratada está aparecendo o INSS da anterior… como devo proceder???

        1. Post
          Author
          Equipe Lalabee

          Boa tarde Luciana, tudo bem?
          Verifique se a antecipação que você optou não foi “do mês anterior” e não da “rescisão”.
          Para verificar, na aba de desligamento clique em “gerar guia de recolhimento – FGTS” , no botão verde ” guia mês anterior” e certifique-se que os valores de recolhimento são apenas de FGTS.
          Se este for o caso, então o que deve ser feito, é que quando você emitir a guia de fechamento da competência de “Junho”, você deve verificar se o valor de FGTS correspondente a rescisão está sendo incluída nesta guia. Caso esteja incluído, você deverá editar a guia para constar apenas o FGTS da funcionária que consta com status “ativo”.
          O recolhimento de INSS é feito no fechamento da competência do mês da rescisão, no caso, no fechamento da competência de Junho, por isso está aparecendo a funcionária desligada com o valor da rescisão para recolher os valores de INSS e a nova funcionária para recolher todos os impostos.
          Atenciosamente,
          Equipe Lalabee

  193. Andreia

    Boa tarde! Estou com um problema no Esocial e gostaria de saber se alguém pode me ajudar.
    Foi gerado o DAE de 04/2016, porém o empregador doméstico não pagou a guia. Agora, ao reabrir a folha dá a seguinte mensagem:

    Senhor usuário,
    As folhas de pagamento até a competência abril/2016 utilizam informação simplificada, não permitindo o detalhamento da remuneração em diversas rubricas.
    O empregador deverá lançar o valor total da remuneração de acordo com orientações no rodapé da página.

    Tento fazer o encerramento dos pagtos e não consigo, pois diz que a folha de pagto já foi fechada e que para alterá-la será necessário reabri-la, sendo que já foi reaberta, só não consigo encerrar.
    Agradeço desde já.

    1. Post
      Author
      Equipe Lalabee

      Boa tarde Andreia, tudo bem?
      Para encerrar o mês de abril, você deve clicar ok no término desta mensagem. Se a folha já estiver reaberta, no campo “remuneração mensal” coloque o valor do salário referente a competência e clique em salvar rascunho e depois encer